Alagoas tem o maior repasse de Temer: R$ 30 mi

Governo interino - que suspendeu verba ao estado da Paraíba, governado pelo PT, já depositada pela União na gestão de Dilma Rousseff para a construção de uma ponte - liberou R$ 30 milhões para obras de um canal adutor no sertão na terra do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); este foi o maior montante liberado por Michel Temer em convênios com estados

Governo interino - que suspendeu verba ao estado da Paraíba, governado pelo PT, já depositada pela União na gestão de Dilma Rousseff para a construção de uma ponte - liberou R$ 30 milhões para obras de um canal adutor no sertão na terra do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); este foi o maior montante liberado por Michel Temer em convênios com estados
Governo interino - que suspendeu verba ao estado da Paraíba, governado pelo PT, já depositada pela União na gestão de Dilma Rousseff para a construção de uma ponte - liberou R$ 30 milhões para obras de um canal adutor no sertão na terra do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); este foi o maior montante liberado por Michel Temer em convênios com estados (Foto: Gisele Federicce)

Alagoas 247 – O governo interino de Michel Temer liberou R$ 30 milhões para obras de um canal adutor no sertão em Alagoas, o maior montante repassado pelo peemedebista em convênios com os estados.

A informação foi publicada em uma nota intitulada "Coincidências" na coluna do jornalista Luiz Antônio Novaes, do jornal O Globo, neste sábado 18. O motivo para a referida coincidência, claro, é o fato de Alagoas ser a terra do presidente do Senado, Renan Calheiros (PDMB-AL), do mesmo partido de Temer.

Outra "coincidência" envolvendo repasses a estados aconteceu recentemente com a Paraíba, governada por Ricardo Coutinho, do PSB, aliado de Dilma Rousseff e crítico ferrenho do processo de impeachment.

O presidente interino determinou a suspensão de R$ 17 milhões que já haviam sido depositados pela União durante a gestão de Dilma para a construção de uma ponte em João Pessoa. O governador promete recorrer à Justiça.

Dilma passou pela capital essa semana e descascou contra Temer e seu gesto, segundo ela, nada republicano. Para ela, Temer cometeu "um crime contra a Paraíba" (leia mais).

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247