Alckmin sinaliza que pode deixar PSDB

O gesto de tucanos ligados a Geraldo Alckmin de pedir a antecipação das prévias para definir o candidato do PSDB à Presidência em 2018 foi interpretado como um aviso de que o governador de São Paulo pode deixar a legenda caso não seja o escolhido; ou não pediria que a definição ocorresse antes de março de 2018, prazo para se desfiliar e concorrer por outro partido

São Paulo - O governador Geraldo Alckmin anunciou o adiamento da reorganização escolar, a coletiva foi realizada no Palácio dos Bandeirantes. (SECOM/ Gov.de SP)
São Paulo - O governador Geraldo Alckmin anunciou o adiamento da reorganização escolar, a coletiva foi realizada no Palácio dos Bandeirantes. (SECOM/ Gov.de SP) (Foto: Giuliana Miranda)

SP 247 - A iniciativa do grupo de Geraldo Alckmin (PSDB-SP) de pedir a antecipação da escolha do candidato do partido à Presidência foi interpretada como um aviso: se perder a prévia, ele pode sair, sim, da legenda. Ou não pediria que a definição ocorresse antes de março de 2018, prazo para se desfiliar e concorrer por outro partido.

As informações são da coluna de Mônica Bergamo na Folha de S.Paulo.

"Já Alckmin entende que Aécio Neves não quer convocar as prévias antes de março justamente para amarrar o governador no PSDB."

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247