Aliados de Alckmin pressionam FHC sobre apoio a Huck

Os afagos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso no apresentador Luciano Huck revoltaram os aliados de Geraldo Alckmin, que cobraram explicações de FHC; grupo chegou a cogitar a divulgação de uma nota pública condenando a postura do ex-presidente, iniciativa abortada por Alckmin; eecidiram, então, encaminhar um e-mail questionando a posição de FH, o que foi feito anteontem

Aliados de Alckmin pressionam FHC sobre apoio a Huck
Aliados de Alckmin pressionam FHC sobre apoio a Huck

SP 247 - Aliados do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), cobraram explicações do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso sobre suas recentes manifestações favoráveis ao apresentador Luciano Huck, cotado para disputar a eleição presidencial deste ano. O grupo chegou a cogitar a divulgação de uma nota pública condenando a postura do ex-presidente, iniciativa abortada por Alckmin. Decidiram, então, encaminhar um e-mail questionando a posição de FH, o que foi feito anteontem.

Ontem à tarde, em meio à saia justa provocada no partido, o ex-presidente telefonou para Geraldo Alckmin e reafirmou apoio à sua candidatura ao Planalto. À noite, no entanto, ele jantaria com Luciano Huck.

O governador de São Paulo pediu calma a apoiadores e concordou que uma mensagem privada menos agressiva fosse enviada a FH. No e-mail, o líder tucano é questionado se continua apoiando Alckmin ou se prefere outro nome.

A gota-d’água foi uma entrevista de Fernando Henrique na terça-feira, na qual afirmou que uma candidatura de Huck seria boa para o Brasil, poderia “arejar” as eleições e “botar em perigo a política tradicional”.

As informações são de reportagem de Silvia Amorim em O Globo.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247