Alison e Emanuel vão à disputa pelo ouro em Londres

Dupla masculina do vôlei de praia se classifica para a final e aguarda decisão do jogo entre Alemanha e Holanda para conhecer seus adversários

Alison e Emanuel vão à disputa pelo ouro em Londres
Alison e Emanuel vão à disputa pelo ouro em Londres (Foto: Marcelo del Pozo/Reuters)

CBV- O Vôlei de Praia brasileiro já tem uma medalha assegurada nos Jogos Olímpicos de Londres. Atuais campeões mundiais, os brasileiros Alison e Emanuel garantiram, nesta terça-feira 7, vaga na decisão do torneio olímpico, realizado na arena montada no Horse Guards Parade. Na semifinal, último obstáculo no caminho até a final, os brasileiros derrotaram Martins Plavins e Janis Smedins, da Letônia, por 2 sets a 0, parciais de 21/15 e 22/20.

Os adversários dos brasileiros na decisão olímpica sairão do duelo europeu entre Julius Brink/Jonas Reckermann, da Alemanha, e Richard Schuil/Reinder Nummerdor, da Holanda, que acontecerá ainda nesta terça, às 19h (de Brasília), e terá transmissão ao vivo do canal Sportv.

A final masculina dos Jogos Olímpicos de Londres será disputada na quinta-fera 9, último dia do torneio de vôlei de praia na capital inglesa, às 17h (de Brasília). Duas horas antes, será realizada a disputa de terceiro lugar.

"Nos preparamos muito bem para a semifinal. Sabíamos que precisávamos entrar forte desde o início, pois a dupla da Letônia é pouco conhecida e joga sem pressão. Fizemos tudo certo no primeiro set. No segundo, eles mudaram a estratégia e melhoraram, o que é normal. Agora vamos aproveitar o dia sem jogos para descansar e estudar os próximos adversários para que possamos jogar ainda melhor do que na semifinal", diz Emanuel, emocionado por seu terceiro pódio olímpico consecutivo.

"Fico feliz por construir minha historia no esporte que escolhi. É muito legal ver que consegui romper a barreira do tempo depois de 20 anos jogando", comenta.

Juntos desde 2010, os atuais campeões mundiais, pan-americanos e brasileiros são comandados pela experiente treinadora Letícia Pessoa, que já é dona de outras duas medalhas olímpicas, conquistadas com as lendárias Adriana Behar e Shelda, em Sydney/2000 e Atenas/2004. O estreante Alison garante sua primeira medalha olímpica, enquanto Emanuel chega à terceira, em cinco participações – conquistou o ouro em Atenas/2004 e o bronze em Pequim/2008, ao lado de Ricardo.

"Sonho com uma final olímpica desde os 11 anos de idade. Acordava cedo em Vitória para ver o Emanuel jogar e agora vou disputar uma medalha de ouro ao lado dele. Desde que ele me convidou para jogar, assumi a responsabilidade de formar o time mais forte possível. Estar ao lado de um atleta que, aos 39 anos, acorda cedo todos os dias e treina mais do que eu, é o melhor exemplo que eu poderia ter", elogia o "Mamute".

Alison marca 24 pontos na semifinal

O estreante Alison teve atuação de veterano na semifinal contra a dupla da Letônia. O capixaba marcou 24 pontos na partida – 16 de ataque, seis de bloqueio e dois de saque -, além de ter conseguido dez defesas, uma a mais que o veterano Emanuel, que pontuou 11 vezes no ataque e uma no bloqueio.

Os brasileiros chegam à decisão da competição mais importante do cenário mundial invictos. Líderes do ranking olímpico, Alison e Emanuel passaram por Clemens Doppler/Alexander Horst, da Áustria, Daniele Lupo/Paolo Nicolai, da Itália, e Bella/Patrick Heuscher, da Suíça, na primeira fase, Jonathan Erdmann/Kay Matysik, da Alemanha, nas oitavas, e Grzegorz Fijalek/Mariusz Prudel, da Polônia, nas quartas, além dos letões, na semifinal.

O JOGO

A dupla brasileira foi praticamente perfeita no primeiro set. Depois de abrirem 4/2 com um bloqueio de Alison, os campeões mundiais passaram a liderar em 11/6, após um erro de Smedins. Pouco depois, Emanuel fez as vezes de bloqueador e marcou 12/7. O time europeu encostou em 12/9, com um saque de Plavins que tocou na rede e caiu na quadra brasileira, mas, impondo sua maior experiência, os brasileiros fecharam em 21/15 com outro bloqueio do "Mamute".

Os brasileiros não diminuíram o ritmo no segundo set e abriram 3/1 com um saque de Alison. Muito eficientes no fundamento, os brasileiros chegaram a 9/5 quando Smedins atacou na rede. A dupla europeia mudou de estratégia no meio da parcial e chegou ao empate no 10º ponto em um erro de Alison. Pouco depois, Emanuel finalizou bem um contra-ataque e recolocou o Brasil no comando em 13/10. Perto do fim, a dupla da Letônia teve outro bom momento e empatou o jogo no 19º ponto após dois bloqueios de Smedins.Um bloqueio de Alison definiu a vitória brasileira em 22/20.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247