Alto preço do peru do Dia de Ação de Graças é sinal de alerta para Washington

Esse pode ter sido o “jantar de Thanksgiving mais caro na história” dos norte-americanos

Perus à venda nos Estados Unidos para o Dia de Ação de Graças
Perus à venda nos Estados Unidos para o Dia de Ação de Graças (Foto: REUTERS/Christopher Walljasper)
Siga o Brasil 247 no Google News

Rádio Internacional da China - Os Estados Unidos celebram nesta quinta-feira (25) o Dia de Ação de Graças, quando famílias se reúnem para desfrutar de um peru assado que é o espetáculo indispensável da festa. No entanto, esse pode ter sido o “jantar de Thanksgiving mais caro na história” dos norte-americanos.

Dados divulgados pelo Departamento de Agricultura dos EUA mostram que o preço no atacado do peru congelado de 8 a 16 libras chegou a US $1,35, uma alta de 21% frente ao nível registrado no ano passado. Segundo um levantamento realizado pela Federação do Birô das Fazendas Americanas, o custo do jantar para 10 pessoas seria de US $53,31, o preço mais alto desde que a pesquisa começou a ser feita há 36 anos.

O jantar do Thanksgiving é apenas uma miniatura da alta dos preços, que estão marcando quase todos os setores do país, como alimentos, energia e automobilístico. A famosa cadeia de lojas “Um Dólar” também elevou o preço para US $1,25. Em outubro, a inflação bateu o recorde dos últimos 31 anos, atenuando a credibilidade do julgamento do Federal Reserve de que “a alta inflação é uma questão temporária”.

PUBLICIDADE

Apesar do governo norte-americano destinar trilhões de dólares para incentivar o consumo doméstico, a sua incapacidade no combate à pandemia deteriorou a recuperação do mercado de trabalho. Além disso, a administração de Biden continuou com a política de Donald Trump de fixar sobretaxas nos produtos chineses, agravando ainda mais o nível de inflação dos EUA. Recentemente, um total de 24 organizações comerciais norte-americanas, incluindo a Associação de Exportações e Importações e a Câmara Comercial dos EUA, escreveram ao governo pedindo a eliminação da sobretaxa ante produtos chineses. “O extra de impostos alfandegários está danificando as empresas e famílias norte-americanas com preços altos”, diz a carta. Segundo os dados fornecidos pelas entidades, a sobretaxa já causou a perda de mais de 110 bilhões de dólares para os importadores norte-americanos, desses valores, 40 bilhões foram perdidos na atual administração dos EUA.

PUBLICIDADE

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Apoie o 247

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

PUBLICIDADE

Cortes 247

PUBLICIDADE
WhatsApp Facebook Twitter Email