Alvo do FBI, Ricardo Teixeira negocia acordo de delação premiada

O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, está negociando um acordo de delação premiada com o Departamento de Justiça americano; o órgão já havia dito, em documento: "Del Nero, Marin e Teixeira conspiraram de forma intencional para criar um esquema para fraudar a Fifa e a CBF"

Alvo do FBI, Ricardo Teixeira negocia acordo de delação premiada
Alvo do FBI, Ricardo Teixeira negocia acordo de delação premiada (Foto: Marcello Casal Jr./ABr (15.06.2010))

247 - O presidente da CBF, Ricardo Teixeira, está negociando um acordo de delação premiada com o Departamento de Justiça americano, segundo a coluna Radar Online. Em dezembro de 2015, o órgão afirmou, em documento de indiciamento: "Del Nero, Marin e Teixeira conspiraram de forma intencional para criar um esquema para fraudar a Fifa e a CBF". "Del Nero recebeu propina para a Copa América e para a Copa do Brasil (torneio mata-mata). Ele (Del Nero) ainda pediu, ao lado de Marin e Teixeira, propinas para a Taça Libertadores da América".  

Na época, ao comentar o contrato da CBF com a Nike, a procuradora-geral americana Loretta Lynch apontou para a suspeita de irregularidades. "Todos os que tentarem fugir, eu aviso: vocês não vão escapar", disse. Outras suspeitas referem-se à escolha da Copa de 2010 na África do Sul e à eleição na Fifa, em 2011.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247