Anastasia confirma candidatura ao Senado

O governador de Minas, Antônio Anastasia (PSDB), confirmou que será candidatura ao Senado; mesmo após a declaração, feita em um encontro com a bancada mineira no Congresso nacional, o tucano afirmou que estará presente de "corpo e alma" na campanha do seu correligionário e senador Aécio Neves (MG), pré-candidato à Presidência da República

O governador Antonio Anastasia se reuniu, nesta segunda-feira (04/02), no Palácio Tiradentes, com o diretor-presidente da Minas Arena, Ricardo Barra, para discutir os problemas ocorridos no jogo de reabertura do Mineirão. Após o encontro, o governador con
O governador Antonio Anastasia se reuniu, nesta segunda-feira (04/02), no Palácio Tiradentes, com o diretor-presidente da Minas Arena, Ricardo Barra, para discutir os problemas ocorridos no jogo de reabertura do Mineirão. Após o encontro, o governador con (Foto: Leonardo Lucena)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 – O governador de Minas, Antônio Anastasia (PSDB), confirmou, nesta quarta-feira (26), que será candidatura ao Senado. Mesmo após a declaração, feita em um encontro com a bancada mineira no Congresso nacional, o gestor afirmou que estará presente de "corpo e alma" na campanha do seu correligionário e senador Aécio Neves (MG), pré-candidato à Presidência da República.

Apesar da confirmação, Anastasia não quis se declarar postulante ao Senado. "Vamos fazer esse anúncio no momento certo. Mas isso é bem esperado", disse, em entrevista coletiva. "Nós temos o prazo fatal, que é até 5 de abril. Até lá, nós estamos fazendo essas definições, mas, de fato, a tendência é de desimcompatilização. Eu vou me ausentar para uma viagem oficial. E, quando eu retornar, vamos anunciar essas decisões", acrescentou. Por sua vez, o senador Aécio Neves disse que o Anastasia deixará saudades por conta do seu "excelente trabalho" à frente do Palácio da Liberdade.

O governador fez um pedido para que a bancada mineira no Congresso se esforce a fim de aprovar o Código da Mineração. Anastasia falou, ainda, sobre a renegociação da dívida dos estados, projeto encaminhado ao Parlamento pelo governo federal a pedido dos gestores estaduais. "Pedimos à nossa bancada, tanto na Câmara quanto no Senado, para continuar pressionando o governo porque é importante essa votação", declarou o tucano.

No entanto, o chefe do Executivo mineiro disse que será difícil aprovar essas pautas por conta do período eleitoral e criticou o governo. "Construímos projetos que caminharam no Congresso Nacional. Na última hora, o que faz o governo com sua maioria? Impede que sejam votados os projetos", complementou.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email