Anastasia é o candidato para salvar Minas ou os corruptos brasileiros?

Projeto apresentado pelo senador tucano e pré-candidato ao governo de Minas, que espera somente a assinatura de Michel Temer, pode enfraquecer órgãos de controle e salvar a pele de políticos suspeitos de improbidade, na avaliação de procuradores, juristas e auditores, que se uniram pelo veto ao texto

anastasia
 
anastasia   (Foto: Gisele Federicce)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - Um projeto apresentado pelo senador Antonio Anastasia (PSDB-MG), pré-candidato ao governo de Minas Gerais, pode enfraquecer órgãos de controle e salvar a pele de políticos suspeitos de improbidade, na avaliação de procuradores, juristas e auditores, que se uniram pelo veto ao texto. O projeto aguarda apenas a assinatura de Michel Temer para entrar em vigor.

Como explica o colunista Bernardo Mello Franco, do Globo, "o texto limita as hipóteses em que os políticos e gestores podem ser processados. Eles passariam a responder apenas em casos de 'dolo ou erro grosseiro'. Quem for acusado de negligência ou de imperícia ficaria a salvo da lei". Entre "outras novidades que soam como música para os políticos".

Em seu discurso de defesa, Anastasia usa argumentos nada inovadores: o excesso de regras teria gerado "incerteza" e "imprevisibilidade" para quem administra verbas públicas.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247