Anselmo chama de "corno" quem frequenta bares

O vereador e presidente da Câmara, Anselmo Pereira (PSDB), arrumou mais uma polêmica para sua coleção; durante audiência pública que discutia o fechamento de bares nos dias semana até às 23h30, o tucano disse que quem frequenta bares de madrugada é "corno ou delinquente"; após frase se espalhar nas redes sociais e de virar alvo de críticas, Anselmo afirmou que a frase foi retirada do seu contexto e pediu desculpas aos ofendidos

O vereador e presidente da Câmara, Anselmo Pereira (PSDB), arrumou mais uma polêmica para sua coleção; durante audiência pública que discutia o fechamento de bares nos dias semana até às 23h30, o tucano disse que quem frequenta bares de madrugada é "corno ou delinquente"; após frase se espalhar nas redes sociais e de virar alvo de críticas, Anselmo afirmou que a frase foi retirada do seu contexto e pediu desculpas aos ofendidos
O vereador e presidente da Câmara, Anselmo Pereira (PSDB), arrumou mais uma polêmica para sua coleção; durante audiência pública que discutia o fechamento de bares nos dias semana até às 23h30, o tucano disse que quem frequenta bares de madrugada é "corno ou delinquente"; após frase se espalhar nas redes sociais e de virar alvo de críticas, Anselmo afirmou que a frase foi retirada do seu contexto e pediu desculpas aos ofendidos (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - O vereador e presidente da Câmara, Anselmo Pereira (PSDB), arrumou mais uma polêmica para sua coleção. Durante audiência pública que discutia o fechamento de bares nos dias semana até às 23h30, o tucano disse que quem frequenta bares de madrugada é "corno ou delinquente".

Após frase se espalhar nas redes sociais e de virar alvo de críticas, Anselmo afirmou que a frase foi retirada do seu contexto e pediu desculpas aos ofendidos.

De autoria do vereador Paulo da Farmácia (PROS), o projeto de lei propõe que durante os dias de semana os bares e restaurantes de Goiânia fiquem abertos somente até as 23h30. Já aos sábados, domingos e vésperas de feriados, o horário máximo proposto é até a meia-noite.

De acordo com o Paulo da Farmácia, o objetivo da medida é reduzir as altas taxas de criminalidade

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247