Aplicativo ajuda a resolver pontos críticos do transporte público

A Prefeitura de Salvador comemora o número de downloads do aplicativo Cittamobi, voltado para usuários do transporte público; lançado em maio deste ano e atualizado em setembro com sua versão 4.0, o 'app tem sido ponto chave para mudanças e melhorias no sistema de transporte', diz a prefeitura; o aplicativo já tem mais de 520 mil downloads; "A partir desta plataforma de gestão estamos identificando os aspectos mais críticos do sistema de transporte público e realizando ações para inverter este cenário. É de extrema importância a atuação do usuário", diz o secretário de Mobilidade, Fábio Mota

A Prefeitura de Salvador comemora o número de downloads do aplicativo Cittamobi, voltado para usuários do transporte público; lançado em maio deste ano e atualizado em setembro com sua versão 4.0, o 'app tem sido ponto chave para mudanças e melhorias no sistema de transporte', diz a prefeitura; o aplicativo já tem mais de 520 mil downloads; "A partir desta plataforma de gestão estamos identificando os aspectos mais críticos do sistema de transporte público e realizando ações para inverter este cenário. É de extrema importância a atuação do usuário", diz o secretário de Mobilidade, Fábio Mota
A Prefeitura de Salvador comemora o número de downloads do aplicativo Cittamobi, voltado para usuários do transporte público; lançado em maio deste ano e atualizado em setembro com sua versão 4.0, o 'app tem sido ponto chave para mudanças e melhorias no sistema de transporte', diz a prefeitura; o aplicativo já tem mais de 520 mil downloads; "A partir desta plataforma de gestão estamos identificando os aspectos mais críticos do sistema de transporte público e realizando ações para inverter este cenário. É de extrema importância a atuação do usuário", diz o secretário de Mobilidade, Fábio Mota (Foto: Romulo Faro)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Bahia 247 - A Prefeitura de Salvador comemora o número de downloads do aplicativo Cittamobi, voltado para usuários do transporte público. Lançado em maio deste ano e atualizado em setembro com sua versão 4.0, o 'app tem sido ponto chave para mudanças e melhorias no sistema de transporte', diz a prefeitura. O aplicativo já tem mais de 520 mil downloads. Quase 10 milhões de acessos são feitos em média todos os meses pelos usuários. Cada acesso, no entanto, permite dezenas de consultas e interações diferentes.

O número de consultas a pontos de paradas chegou a mais de 16 milhões no mês de novembro. Através do Cittamobi é possível saber quais são os pontos mais próximos de onde ele está, quais as linhas disponíveis em cada parada, a previsão de chegada dos ônibus com até duas horas de antecedência e se os coletivos são ou não adaptados para pessoas com deficiência.

É possível ainda marcar as linhas e pontos de preferência, visualizar os arredores do local através do Google Maps e habilitar um alarme para ser disparado quando o coletivo estiver próximo do ponto de destino.

Além disso, a versão atualizada em setembro passou a possibilitar a interação do usuário com o Centro de Controle Operacional (CCO) da Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob). Até este mês, já foram registrados mais de 10 mil reports, que são direcionados ao CCO, onde todo o sistema de transporte é monitorado 24 horas por dia, em tempo real, através de GPS. Entre as informações recebidas, as de maior destaque são: solicitação de novas linhas (23%), veículo que não parou no ponto (11%) e avaliação dos motoristas (7%).

A população pode informar também como está a limpeza do coletivo e do ponto de ônibus, se houve desvio de itinerário, se há alguma situação de violência, se o veículo está lotado, detalhar nível de segurança e avaliar abrigos, entre outras opções.

"A partir desta plataforma de gestão estamos identificando os aspectos mais críticos do sistema de transporte público e realizando ações para inverter este cenário. É de extrema importância a atuação do usuário pois ele deixa de ser mero telespectador e passa a ser nosso fiscal e contribuir para a evolução desse sistema", diz o secretário de Mobilidade, Fábio Mota.

O aplicativo está disponível para IOS e Android, mas quem não possui aparelhos com esses recursos pode fazer o mesmo tipo de acesso através do site cittamobi.com.br, o qual teve mais de 158 mil consultas no mês de novembro.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email