Após 90 dias de greve, servidores assinam acordo com governo e voltam ao trabalho

Greve dos servidores públicos estaduais, que já dura 90 dias, encerrou-se para a maioria das categorias nesta terça-feira, 8. Sindicatos de sete categorias assinam nesta terça um Termo de Acordo apresentado pelo Governo do Estado que põe fim a greve; acordo contempla o pagamento da data-base 2016 em três parcelas - 2% em janeiro/2017, 2% em maio de 2017 e 5,83% em setembro de 2017; pagamento em 2017 do retroativo da data-base de 2015; redução da jornada de trabalho dos servidores de 8h diárias, que equivale a 40h semanais, para 6h diárias ininterruptas, totalizando 30 h semanais

SONY DSC
SONY DSC (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - A greve dos servidores públicos estaduais, que já dura 90 dias, encerrou-se para a maioria das categorias nesta terça-feira, 8. Sindicatos de sete categorias assinam nesta terça um Termo de Acordo apresentado pelo Governo do Estado que põe fim a greve.

Segundo o portal T1 Notícias, o acordo contempla o pagamento da data-base 2016 em três parcelas - 2% em janeiro/2017, 2% em maio de 2017 e 5,83% em setembro de 2017; pagamento em 2017 do retroativo da data-base de 2015; redução da jornada de trabalho dos servidores de 8h diárias, que equivale a 40h semanais, para 6h diárias ininterruptas, totalizando 30 h semanais.

Entre os sindicatos que aceitaram a proposta do governo estão o Sindare (auditores fiscais), o Simed (médicos), o Sicideto (cirurgiões dentistas), o Sindifato (farmacêuticos), o Sinpef (profissionais em educação física), o Seet (profissionais de enfermagem) e o Sindefesa (Fiscais agropecuários). O Sintras (trabalhadores em saúde) deve realizar assembleia nesta tarde para deliberar sobre o assunto. Já o Sintet (trabalhadores em educação) fará a sua assembleia na quinta-feira, 10.

A expectativa é a de que o projeto de lei que contempla os termos do acordo assinado entre os sindicatos e o Governo do Estado do Tocantins seja enviado à Assembleia Legislativa ainda nesta semana.

Os servidores do quadro-geral, filiados ao Sindicato dos Servidores Públicos do Estado (Sisepe), já retornaram parcialmente ao trabalho, mantendo-se em greve apenas os que são lotados nas cidades de Palmas e Araguaina.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247