Ariano pode ser o Brasil no Nobel de Literatura

Escritor paraibano foi indicado para o prêmio da academia sueca este ano e precisa se ratificado pelo Senado; requerimento foi do senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB)

Ariano pode ser o Brasil no Nobel de Literatura
Ariano pode ser o Brasil no Nobel de Literatura
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Raphael Coutinho _PE247 – O escritor paraibano Ariano Suassuna poderá ser o candidato indicado do Brasil ao Prêmio Nobel de Literatura deste ano. A indicação do nome do autor de 84 anos para a premiação da Academia Sueca vai ser votada no plenário do Senado Federal nesta terça-feira (29). O projeto é do senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) e foi aprovado na semana passada pela Comissão de Relações Exteriores da Casa. 

O autor de clássicos como o Auto da Compadecida e a Pedra do Reino é membro da Academia Brasileira de Letras (ABL).

Ariano Suassuna foi o fundador, na década de 1970, do Movimento Armorial no Recife. O segmento é uma iniciativa artística que tem como objetivo criar uma arte erudita a partir de elementos da Cultura Nordestina. Além de fazer parte da ABL, o escritor também é membro da Academia Pernambucana de Letras e Academia Paraibana de Letras. 

Ariano já teve seus livros traduzidos para o inglês, francês, italiano, espanhol, alemão, holandês e polonês, mas nunca saiu do País.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247