Associação dos Defensores Públicos promove manhã de serviços

O evento, que será realizado na próxima terça-feira (19/5), é destinado à população em situação de rua e catadores. Serão oferecidos esclarecimentos jurídicos, verificação processual, orientações e encaminhamentos para ter acesso a direitos básicos, além de exames médicos, alimentação e corte de cabelo

O evento, que será realizado na próxima terça-feira (19/5), é destinado à população em situação de rua e catadores. Serão oferecidos esclarecimentos jurídicos, verificação processual, orientações e encaminhamentos para ter acesso a direitos básicos, além de exames médicos, alimentação e corte de cabelo
O evento, que será realizado na próxima terça-feira (19/5), é destinado à população em situação de rua e catadores. Serão oferecidos esclarecimentos jurídicos, verificação processual, orientações e encaminhamentos para ter acesso a direitos básicos, além de exames médicos, alimentação e corte de cabelo (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará 247 - A Associação dos Defensores Públicos do Estado do Ceará (Adpec) realiza na próxima terça (19) uma manhã de serviços voltados à população em situação de rua e catadores de material reciclável. Intitulado "Defensores Públicos pela garantia de direitos à população em situação de rua e catadores", o evento acontece no Centro de Pastoral Maria Mãe da Igreja (avenida Dom Manoel,, 339, Centro), de 9h às 12h, e tem como parceiros o Centro Nacional de Defesa dos Direitos Humanos da População em Situação de Rua e Catadores de Material Reciclável, do Movimento Nacional da População de Rua no Ceará, e da Prefeitura de Fortaleza, através dos Centros de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centros Pop) unidades Benfica e Centro.

Na ocasião, as pessoas terão esclarecimentos jurídicos, verificação processual, além de receber orientações e encaminhamentos para ter acesso a direitos básicos, como obtenção de registro de nascimento e serviços públicos de saúde e moradia. Haverá, ainda, testes de glicemia, tuberculose e HIV, aferição de pressão arterial, alimentação, corte de cabelo, entre outros serviços.

De acordo com a presidente da Adpec, Sandra Sá, a população em situação de rua foi escolhida para ser o foco da ação de lançamento da Campanha Nacional 2015 por sua condição de maior vulnerabilidade dentre os assistidos pela Defensoria Pública. “Dentro da infinidade de tutelas coletivas tratadas pela Instituição, optamos por tratar, no lançamento da campanha deste ano, da temática das pessoas em situação de rua, exatamente pela condição de altíssima vulnerabilidade social deste grupo de indivíduos com alto grau de violação de seus direitos humanos básicos”, afirma.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como:

• Cartão de crédito na plataforma Vindi: acesse este link

• Boleto ou transferência bancária: enviar email para [email protected]

• Seja membro no Youtube: acesse este link

• Transferência pelo Paypal: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Vakinha: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Catarse: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo APOIA.se: acesse este link

• Financiamento coletivo pelo Patreon: acesse este link

Inscreva-se também na TV 247, siga-nos no Twitter, no Facebook e no Instagram. Conheça também nossa livraria, receba a nossa newsletter e ative o sininho vermelho para as notificações.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247