Atacante do Sport é preso sob suspeita de agredir a ex-noiva

Atacante do Sport Club do Recife Edmar Ribeiro da Costa Júnior, conhecido como Juninho, foi detido pela polícia sob a suspeita de agredir a ex-noiva, na madrugada desta segunda-feira (9); segundo o depoimento da vítima, que preferiu não ser identificada, Juninho a teria ameaçado com uma faca e a trancado em um dos quartos do seu apartamento, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife; advogado do atleta nega a acusação e diz que jovem já havia ameaçado destruir a carreira de Juninho anteriormente por não aceitar o fim do relacionamento

Atacante do Sport Club do Recife Edmar Ribeiro da Costa Júnior, conhecido como Juninho, foi detido pela polícia sob a suspeita de agredir a ex-noiva, na madrugada desta segunda-feira (9); segundo o depoimento da vítima, que preferiu não ser identificada, Juninho a teria ameaçado com uma faca e a trancado em um dos quartos do seu apartamento, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife; advogado do atleta nega a acusação e diz que jovem já havia ameaçado destruir a carreira de Juninho anteriormente por não aceitar o fim do relacionamento
Atacante do Sport Club do Recife Edmar Ribeiro da Costa Júnior, conhecido como Juninho, foi detido pela polícia sob a suspeita de agredir a ex-noiva, na madrugada desta segunda-feira (9); segundo o depoimento da vítima, que preferiu não ser identificada, Juninho a teria ameaçado com uma faca e a trancado em um dos quartos do seu apartamento, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife; advogado do atleta nega a acusação e diz que jovem já havia ameaçado destruir a carreira de Juninho anteriormente por não aceitar o fim do relacionamento (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 - O atacante do Sport Club do Recife Edmar Ribeiro da Costa Júnior, conhecido como Juninho, foi detido pela polícia sob a suspeita de agredir a ex-noiva, na madrugada desta segunda-feira (9). Segundo o depoimento da vítima, que preferiu não ser identificada, Juninho a teria ameaçado com uma faca e a trancado em um dos quartos do seu apartamento, no bairro de Boa Viagem, na Zona Sul do Recife.

De acordo com a delegada Ana Elisa Sobreira, o jogador é alvo de dois boletins de ocorrência. "Estamos investigando o caso e analisando provas e elementos para ter certeza do crime. Ele ainda está sendo ouvido e nega [as acusações]. A gente tem que analisar isso, porque é a versão dele contra a dela", disse a delegada.

O primeiro boletim de ocorrência foi registrado no dia 17 de agosto deste ano, após a vítima ter relatado que havia sido agredida com socos no estômago desferidos pelo atleta. A mulher, que morava com o jogador há cindo meses, não levou o caso adiante apedidos do empresário e do pai do atacante. A nova agressão terá ocorrido apenas três dias após o relacionamento entre eles ter chegado ao fim.

O advogado do atleta nega a acusação e diz que jovem já havia ameaçado destruir a carreira de Juninho anteriormente por não aceitar o fim do relacionamento.

 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247