Ato homenageia dia do trabalho e a democracia

A marcha organizada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) enfrentou chuva, homenageou o Dia do Trabalho, e defendeu a democracia, os direitos sociais e se posicionou contra o golpe que pode afastar a presidente Dilma Rousseff  (PT); em frente ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo do estado, manifestantes chamaram Paulo Câmara (PSB) de 'governador golpista'; cerca de 15 mil pessoas participaram da manifestação, segundo avaliação de lideranças

A marcha organizada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) enfrentou chuva, homenageou o Dia do Trabalho, e defendeu a democracia, os direitos sociais e se posicionou contra o golpe que pode afastar a presidente Dilma Rousseff  (PT); em frente ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo do estado, manifestantes chamaram Paulo Câmara (PSB) de 'governador golpista'; cerca de 15 mil pessoas participaram da manifestação, segundo avaliação de lideranças
A marcha organizada pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) enfrentou chuva, homenageou o Dia do Trabalho, e defendeu a democracia, os direitos sociais e se posicionou contra o golpe que pode afastar a presidente Dilma Rousseff  (PT); em frente ao Palácio do Campo das Princesas, sede do governo do estado, manifestantes chamaram Paulo Câmara (PSB) de 'governador golpista'; cerca de 15 mil pessoas participaram da manifestação, segundo avaliação de lideranças (Foto: Voney Malta)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Recife 247 – Enfrentando uma forte chuva que chegou a alagar algumas avenidas, cerca de 15 mil pessoas, segundo avaliação de lideranças da Central Única dos Trabalhadores (CUT), participaram da marcha em comemoração ao Dia do Trabalho, 1º de maio.
A manifestação faz parte, também, da defesa da democracia, dos direitos sociais e contra o golpe. Em frente a sede do governo estadual, Palácio Campo das Princesas, os milhares de trabalhadores gritaram chamando o governador Paulo Câmara (PSB) de 'golpista'.

Desde ontem (30) trabalhadores estão nas ruas realizando movimentos em cidades do interior, casos de Exú, Caruaru, Vitória de Santo Antão, Petrolândia, Petrolina, Surubim, entre outros, além do Recife. Estratégia visa deixar claro, segundo Carlos Veras, presidente da CUT/PE, "para todos os golpistas que tentam atrapalhar a democracia do nosso país e as conquistas sociais".

O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMD-RJ) e o vice-presidente da República, M ichel Temer (PMDB), foram muito criticados pelos manifestantes.

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

Cortes 247

WhatsApp Facebook Twitter Email