Ayres assume na AL e aumenta base governista

O deputado Manoel Queiroz (PPS) se afastou da Casa oficialmente nesta quinta-feira, para cuidar de um problema no pé; o primeiro suplente da coligação que elegeu Ricardo Ayres é Jorge Frederico (SDD), que está exercendo o mandato na licença do deputado Raimundo Palito (PEN), atual secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social do Estado; governista, Ricardo Ayres, que trocou o PMDB pelo PSB, pretende apoiar o candidato a governador indicado pelo Palácio Araguaia e mostrou pouca confiança numa eventual filiação e candidatura do procurador Mário Lúcio Avelar para governador pelo PSB, conforme ventilado pela Executiva Nacional do partido

O deputado Manoel Queiroz (PPS) se afastou da Casa oficialmente nesta quinta-feira, para cuidar de um problema no pé; o primeiro suplente da coligação que elegeu Ricardo Ayres é Jorge Frederico (SDD), que está exercendo o mandato na licença do deputado Raimundo Palito (PEN), atual secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social do Estado; governista, Ricardo Ayres, que trocou o PMDB pelo PSB, pretende apoiar o candidato a governador indicado pelo Palácio Araguaia e mostrou pouca confiança numa eventual filiação e candidatura do procurador Mário Lúcio Avelar para governador pelo PSB, conforme ventilado pela Executiva Nacional do partido
O deputado Manoel Queiroz (PPS) se afastou da Casa oficialmente nesta quinta-feira, para cuidar de um problema no pé; o primeiro suplente da coligação que elegeu Ricardo Ayres é Jorge Frederico (SDD), que está exercendo o mandato na licença do deputado Raimundo Palito (PEN), atual secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social do Estado; governista, Ricardo Ayres, que trocou o PMDB pelo PSB, pretende apoiar o candidato a governador indicado pelo Palácio Araguaia e mostrou pouca confiança numa eventual filiação e candidatura do procurador Mário Lúcio Avelar para governador pelo PSB, conforme ventilado pela Executiva Nacional do partido (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 – A base de apoio ao governo do Estado na Assembleia Legislativa aumentou. O segundo suplente de deputado Ricardo Ayres (PSB) assumiu nesta quinta-feira, 27, por 121 dias, por conta do afastamento do deputado oposicionista Manoel Queiroz (PPS).

Queiroz se afastou da Casa oficialmente nesta quinta-feira, para cuidar de um problema no pé. Como Ayres já assumiu o mandato outras vezes nesta mesma legislatura, o Regimento Interno da Assembleia exige apenas a leitura do pedido de afastamento de Queiroz e o requerimento de retorno do suplente em questão. O requerimento que comunica o afastamento de Manoel Queiroz e o retorno de Ricardo Ayres será lido no expediente da sessão da próxima quarta-feira, dia 5. 

O primeiro suplente da coligação que elegeu Ricardo Ayres é Jorge Frederico (SDD), que está exercendo o mandato na licença do deputado Raimundo Palito (PEN), atual secretário de Trabalho e Desenvolvimento Social do Estado.

Governista, Ricardo Ayres pretende apoiar o candidato a governador indicado pelo Palácio Araguaia e mostrou pouca confiança numa eventual filiação e candidatura do procurador Mário Lúcio Avelar para governador pelo PSB, conforme ventilado pela Executiva Nacional do partido.

"O Mário Lúcio é um amigo pessoal, uma pessoa que admiro. No PSB terá que mostrar que sua candidatura é viável. O PSB é um partido que respeita suas bases", disse Ricardo Ayres ao Blog CT.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email