Bahia desencanta e vence Juazeiro por 2 a 0 na Arena

Em crise, o Bahia conseguiu, enfim, vencer uma partida na Arena Fonte Nova; depois de duas derrotas consecutivas para o rival Vitória, o Tricolor de Aço bateu o Juzeiro por 2 a 0 nesta quarta e avançou na semi-final do Campeonato Baiano; com resultado de hoje, o Esquadrão pode até perder por um gol de diferença no jogo de volta e terá vaga assegurada na final; o triunfo não fez cessar a pressão da torcida pela saída do presidente Marcelo Guimarães Filho; torcedores pedem eleições diretas; família Guimarães é 'dona' do clube há 15 anos

Bahia desencanta e vence Juazeiro por 2 a 0 na Arena
Bahia desencanta e vence Juazeiro por 2 a 0 na Arena

Correio*

Em tempos de crise e desconfiança tricolor, quem confiou e foi até a Arena Fonte Nova no feriado do 1º de maio presenciou a que pode ter sido a melhor atuação do Bahia no Baianão 2013. O time não deu espetáculo no primeiro duelo da semifinal, mas venceu bem o Juazeiro, por 2 a 0, e tomou para a si a vantagem no jogo decisivo do final de semana. O primeiro triunfo do Tricolor na Arena teve gols de Zé Roberto, um dos melhores em campo, e Pablo, que contou com a ajuda da zaga para ampliar, todos marcados na primeira etapa.

Na decisão da semifinal, Bahia e Juazeiro voltam a se enfrentar no próximo sábado (4), a partir das 18h30, no estádio Adauto Morais, em Juazeiro. A vantagem mudou de lado com a vitória tricolor e o Esquadrão, além de se favorecer no empate, poderá perder por até um gol de diferença que fica com a vaga na decisão do campeonato.

O jogo

Quando a bola rolou no gramado da Arena Fonte Nova, o Bahia justificou o posto de mandante e começou fazendo pressão sobre o visitante nos minutos iniciais. O time marcou lugar na área do Juazeiro e deu o primeiro susto aos sete minutos. Depois da troca de passes, Fernandão sobrou com a bola na área, mandou o chute e Marcus Vinícius fez sua primeira boa defesa na partida. Acuado, o Juazeiro esperou pelo espaço no contra-ataque, mas teve que dedicar maior parte de suas forças em se defender.

A pressão tricolor surtiu resultado na marca dos 11 minutos, com um belo gol de Zé Roberto, o segundo dele na Arena. Depois do passe de Fernandão, o atacante deixou dois zagueiros para trás e chutou bonito na saída do goleiro Marcus Vinícius para marcar. O gol não diminui o ímpeto de ataque do Esquadrão e o time seguiu prendendo o Juazeiro no campo defensivo, dificultando a armação da equipe do interior.

Com melhor movimentação na trama das jogadas, o Bahia encontrou espaço pelos lados quando o Juá fechou a marcação pelo meio e foi por lá que saiu o segundo gol dos donos da casa. Aos 29', Pablo invadiu a área, bateu cruzado e se aproveitou do desvio na zaga para enganar o goleiro e carimbar a vantagem para o Bahia. Dominando a primeira etapa, os comandados de Joel Santana ainda voltaram a assustar na etapa inicial, mas o goleiro do Juazeiro mostrou serviço para evitar mais gols.

O segundo tempo não teve a mesma dinâmica de jogo do primeiro, e o Bahia não voltou com a mesma força de ataque. O Tricolor quase ampliou aos sete minutos, com Fernandão, que recebeu na área depois do contra-ataque, mas adiantou demais e entregou para Marcus Vinicius. Daí em diante, o time de Joel Santana não conseguia mais jogar no campo do Juazeiro e perdeu a velocidade que vinha apresentando. Por outro lado, o Juazeiro também não conseguia chegar com força e jogo esfriou no segundo tempo.

O Bahia recua a linha defensiva e passou a jogar na base do contra-ataque, conseguindo oferecer algum perigo ao goleiro Marcus Vinícius. Zé Roberto foi um dos destaques do time e protagonizou bons lances mostrando habilidade na área do Juazeiro. O atacante saiu do jogo aos 40 minutos, aplaudido pela torcida antes de dar lugar a Ryder. Nos minutos finais, Marcus Vinicius voltou a fazer boas defesas no momento de pressão tricolor e evitou que o Bahia ampliasse o placar.

Ficha técnica

Bahia 2 x 0 Juazeiro - 1º jogo da semifinal do Baianão 2013

Data: 1º de maio de 2013, 16h

Local: Local: Arena Fonte Nova, Salvador

Data: 1º de maio de 2013, quarta-feira

Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (FIFA-RJ)

Assistentes: José Raimundo Dias da Hora (CBF-BA) e Dijalma Silva Ferreira Júnior (CBF-BA)

Bahia: Marcelo Lomba; Pablo, Demerson, Titi e Magal; Diones, Toró, Feijão (Danny Morais) e Anderson Talisca; Zé Roberto (Ryder) e Fernandão (Marquinhos Gabriel)

Técnico - Joel Santana

Juazeiro: Marcus Vinícius; Victor Hugo, Mailson, Jarbas, Marcio, Jacson (Joãozinho); Daniel, Brendon, Bruno (Dudu); Humberto (Cristian) e Cleuber

Técnico - Janilson

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247