Balbúrdia: brasileira cria a conexão de internet mais rápida do mundo, que permite baixar mil filmes por segundo

178,08 terabits por segundo: a brasileira Lídia Galdino, professora da UCL (University College London) e pesquisadora financiada pela Royal Academy of Engineering, ambas em Londres, conseguiu estabelecer uma conexão capaz de baixar mil filmes de um disco simples de blu-ray em apenas um segundo

Brasileira cria conexão de internet mais rápida do mundo
Brasileira cria conexão de internet mais rápida do mundo (Foto: Reprodução)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A brasileira Lídia Galdino, professora da UCL (University College London), criou a conexão de internet mais rápida do mundo: 178,08 terabits por segundo. A pesquisa foi realizada durante dois anos e estabeleceu o novo recorde de transmissão de internet por fibra ótica.

A reportagem do portal Uol destaca que “a velocidade obtida pela pesquisa de Galdino está próxima do limite teórico de transmissão de dados, estabelecido pelo matemático americano Claude Shannon em 1949. O novo recorde, demonstrado em um laboratório da UCL, é 18,4% mais rápido do que o recorde mundial anterior, obtido por uma equipe no Japão, que em 2018 chegou a 150,3 Tb/s.”

A matéria ainda informa que “com toda essa velocidade, seria possível baixar toda a biblioteca da Netflix em menos de um segundo, ou os dados que compuseram a primeira imagem de um buraco negro em menos de uma hora. Para conseguir esta imagem, foram necessárias meia tonelada de discos rígidos.”

Participe da campanha de assinaturas solidárias do Brasil 247. Saiba mais.

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247