Bohn Gass: Lula é a maior referência de todos os trabalhadores

Deputado Bohn Gass (PT-RS) afirmou que está havendo um debate na Câmara para recolocar uma legislação com o objetivo de "refundar a CLT , uma vez que mais de 100 artigos foram tirados desta lei que defende os trabalhadores"; "Dia 1 é Curitiba, é Lula livre porque Lula é a maior referência de todos os trabalhadores"; segundo o parlamentar, a direita, "rejeitada consecutivamente nas urnas, sem chance de retomar o poder de forma legítima" quer "eliminar adversários políticos"; assista ao vídeo

Deputado Bohn Gass (PT-RS) afirmou que está havendo um debate na Câmara para recolocar uma legislação com o objetivo de "refundar a CLT , uma vez que mais de 100 artigos foram tirados desta lei que defende os trabalhadores"; "Dia 1 é Curitiba, é Lula livre porque Lula é a maior referência de todos os trabalhadores"; segundo o parlamentar, a direita, "rejeitada consecutivamente nas urnas, sem chance de retomar o poder de forma legítima" quer "eliminar adversários políticos"; assista ao vídeo
Deputado Bohn Gass (PT-RS) afirmou que está havendo um debate na Câmara para recolocar uma legislação com o objetivo de "refundar a CLT , uma vez que mais de 100 artigos foram tirados desta lei que defende os trabalhadores"; "Dia 1 é Curitiba, é Lula livre porque Lula é a maior referência de todos os trabalhadores"; segundo o parlamentar, a direita, "rejeitada consecutivamente nas urnas, sem chance de retomar o poder de forma legítima" quer "eliminar adversários políticos"; assista ao vídeo (Foto: Leonardo Lucena)

Rio Grande do Sul 247 - Na véspera das manifestações previstas em Curitiba (PR) e em outras cidades brasileiras pela liberdade do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e contra a Reforma Trabalhista, o deputado federal Bohn Gass (PT-RS) afirmou que está havendo um debate na Câmara para recolocar uma legislação com o objetivo de "refundar a CLT , uma vez que mais de 100 artigos foram tirados desta lei que defende os trabalhadores".

"Dia 1 é Curitiba, é Lula livre porque Lula é a maior referência de todos dos trabalhadores", acrescentou.

De acordo com o parlamentar, a direita brasileira, "rejeitada consecutivamente nas urnas, sem chance de retomar o poder de forma legítima" quer "eliminar adversários políticos". "Tiros contra caravana de Lula e acampamento de Curitiba mostram que o fascismo ultrapassou a ofensa verbal e chegou às armas", disse ele nesta segunda-feira (30) em sua conta no Twitter.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247