Bolsonaristas investigados por fake news têm grupo para atacar Gilmar Mendes: “Tiro no sapão”

Em vídeo, vestidos de preto e com armas falsas, os bolsonaristas, ligados ao chamado Movimento Conservador, dizem: "Vamos pegar o Sapão", "tiro no Sapão", em referência ao ministro do STF Gilmar Mendes

Bolsonaristas, Gilmar Mendes
Bolsonaristas, Gilmar Mendes (Foto: Reprodução | Fellipe Sampaio/SCO/STF)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - Investigados em um inquérito no Supremo Tribunal Federal sobre a propagação de fake news criaram um "movimento" com o objetivo de pregar ações violentas contra o ministro da Corte Gilmar Mendes.

Em vídeo, vestidos de preto e com armas falsas, os bolsonaristas, ligados ao chamado Movimento Conservador, dizem: "Vamos pegar o Sapão", "tiro no Sapão", em referência ao apelido dado a eles para o ministro. Os relatos forma publicados pela jornalista Constança Rezende, no portal Uol. 

Eles também colocaram um boneco com uma imagem do rosto do ministro no porta-malas do carro e afirmaram: "Vem aqui, Gilmar. Dar tapa na sua cara. Aqui ó, sequestramos o cara". "Tiro no sapão", acrescentou um rapaz. 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email