Bolsonaro diz ter “muito em comum” com Ciro Gomes

Deputado federal e pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSC-RJ) teceu elogios ao ex-ministro e também pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT-CE) e afirmou que ambos possuem "muito em comum"; "Temos muitas coisas em comum. Nossa defesa é pelo Brasil, mas pecamos às vezes pelas palavras que dizemos", disse; ainda segundo Bolsonaro, as pesquisas apontam uma polarização entre Lula e ele; "Está polarizado entre o lado Lula e o outro lado, eu. Mas Lula não sabe de nada e vem sendo hostilizado em Minas e não está conseguindo falar nada", afirmou

Deputado federal e pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSC-RJ) teceu elogios ao ex-ministro e também pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT-CE) e afirmou que ambos possuem "muito em comum"; "Temos muitas coisas em comum. Nossa defesa é pelo Brasil, mas pecamos às vezes pelas palavras que dizemos", disse; ainda segundo Bolsonaro, as pesquisas apontam uma polarização entre Lula e ele; "Está polarizado entre o lado Lula e o outro lado, eu. Mas Lula não sabe de nada e vem sendo hostilizado em Minas e não está conseguindo falar nada", afirmou
Deputado federal e pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSC-RJ) teceu elogios ao ex-ministro e também pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT-CE) e afirmou que ambos possuem "muito em comum"; "Temos muitas coisas em comum. Nossa defesa é pelo Brasil, mas pecamos às vezes pelas palavras que dizemos", disse; ainda segundo Bolsonaro, as pesquisas apontam uma polarização entre Lula e ele; "Está polarizado entre o lado Lula e o outro lado, eu. Mas Lula não sabe de nada e vem sendo hostilizado em Minas e não está conseguindo falar nada", afirmou (Foto: Paulo Emílio)

Ceará 247 - O deputado federal e pré-candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSC-RJ), teceu elogios ao ex-ministro e também pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT-CE). Segundo o parlamentar, ambos possuem "muito em comum".

"No Ceará tem um ex-governador que me critica e fala que não concorda nada de mim", disse Bolsonaro em entrevista à rádio Assunção, do Ceará. "Temos muitas coisas em comum. Nossa defesa é pelo Brasil, mas pecamos às vezes pelas palavras que dizemos. Ele uma vez perdeu a eleição presidencial porque falou que a missão mais importante da mulher era dormir com o marido. Qualquer palavra nossa, que somos pré-candidatos, o mundo cai em nossa cabeça", destacou.

A fala de Bolsonaro é uma referência direta ao episódio ocorrido em 2002, quando ao ser questionado sobre o papel da então sua mulher, a atriz Patrícia Pillar na sua campanha presidencial, Ciro respondeu que era "dormir" com ele. Na semana passada, Ciro foi duramente criticado por dizer que uma campanha é um "momento de testosterona" ao comentar a possível candidatura da ex-senadora Marina Silva (Rede).

Bolsonaro disse, ainda, que as pesquisas apontam que o eleitorado está dividido entre votar nele ou no ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Está polarizado entre o lado Lula e o outro lado, eu. Mas Lula não sabe de nada e vem sendo hostilizado em Minas e não está conseguindo falar nada", afirmou.

Lula está em uma caravana pelo interior de Minas Gerais. Segundo as últimas pesquisas eleitorais, Lula lidera a disputa presidencial em todos os cenários pesquisados.

 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247