Caiado diz que vai disputar presidência em caso de eleições indiretas

 Senador Ronaldo Caiado (DEM) disse nesta sexta-feira, em entrevista na Rádio 730, que tem a intenção de ser candidato a presidente da Repúblico caso novas eleições sejam realizadas após a saída de Michel Temer (PMDB), por meio de renúncia e impeachment; "Qualquer cidadão com idade superior a 35 anos e que seja filiado a algum partido pode tentar concorrer mesmo nas eleições indiretas. Não há monopólio nisso. Se nós tivermos uma eleição fora do calendário normal, vou colocar meu nome à disposição. Caso contrário, quero ser candidato ao governo estadual”, disse o parlamentar

caiado
caiado (Foto: José Barbacena)

Goiás 247 - Em entrevista à Rádio 730, nesta sexta-feira, o senador Ronaldo Caiado (DEM) disse que tem a intenção de ser candidato a presidente da Repúblico caso novas eleições sejam realizadas após a saída de Michel Temer (PMDB), por meio de renúncia e impeachment. 

"Qualquer cidadão com idade superior a 35 anos e que seja filiado a algum partido pode tentar concorrer mesmo nas eleições indiretas. Não há monopólio nisso. Se nós tivermos uma eleição fora do calendário normal, vou colocar meu nome à disposição. Caso contrário, quero ser candidato ao governo estadual”, disse o parlamentar.

O senador Caiado afirma que a permanência de Michel Temer no poder é insustentável e ressalta que o Congresso precisará agir com perícia para não agravar a crise político-econômica. 

“A posição do Democratas vai ser tomada durante a reunião da executiva na próxima terça-feira (23). Agora, eu acredito, enquanto líder no senado federal, que diante das gravações, o presidente ao não renunciar tomou a pior decisão tanto para ele quanto para o País”, afirmou.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247