Camamu: maior produção de gás natural do Brasil

Campeão em produção é o Campo de Manati, na Bacia de Camamu, no Baixo Sul Bahia, que apresentou média em torno de 6,6 milhões de metros cúbicos por dia em fevereiro, mês no qual o Brasil bateu recorde na produção de gás natural, atingindo 76,5 milhões de metros cúbicos por dia (m³/dia)

Camamu: maior produção de gás natural do Brasil
Camamu: maior produção de gás natural do Brasil
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Vladimir Platonow
Repórter da Agência Brasil

Rio de Janeiro – O país bateu em fevereiro recorde na produção de gás natural, atingindo 76,5 milhões de metros cúbicos por dia (m³/dia). O recorde anterior havia sido obtido em dezembro do ano passado, com média de 76,2 milhões de m³/dia. Na comparação com fevereiro de 2012, houve um aumento de 14,1%. As informações foram divulgadas hoje (2) pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

A produção de petróleo no mês de fevereiro deste ano foi 2,017 milhões de barris por dia, apresentando uma redução de 8,5% comparado ao mesmo mês do ano passado. Segundo a ANP, a queda foi decorrente de paradas programadas para manutenção de plataformas na Bacia de Campos, nos campos de Marlim, Marlim Leste e Roncador.

O Campo de Marlim Sul foi o maior produtor de petróleo e o segundo de gás natural, com uma média de 334,2 mil barris por dia de óleo equivalente. O campeão em produção de gás natural é o Campo de Manati, na Bacia de Camamu, na Bahia, que apresentou média em torno de 6,6 milhões de metros cúbicos por dia.

Dos 20 maiores campos produtores de petróleo, 18 são operados pela Petrobras e dois por empresas estrangeiras: Peregrino, pela Statoil, e Ostra, pela Shell. Dos 20 maiores campos de gás, apenas um não é operado pela Petrobras: o de Gavião Real, da OGX Maranhão.

Os dados fazem parte do Boletim da Produção de Petróleo e Gás Natural referente ao mês de fevereiro de 2013 e podem ser acessados na íntegra na página da agência na internet: www.anp.gov.br

Edição: Aécio Amado

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email