Campelo aponta "falência moral" do processo eleitoral no estado

O vereador de Palmas Lúcio Campelo, candidato a deputado estadual pelo PR, foi à tribuna da Câmara Municipal nessa terça-feira, 2, para denunciar a compra "desenfreada" de votos nesta campanha eleitoral; sem citar nomes, Campelo afirmou que há falta de comprometimento e de comportamento, tanto por parte da classe política quanto da sociedade para combater a prática; "Sociedade tocantinense está vivendo deste vício, da troca do voto pelo favor. E não há qualquer candidato ou qualquer político que tenha a coragem de vir a público alertar a sociedade sobre este equívoco, que é o de deixar de ter um representante legal para ter um representante corrupto", declarou

O vereador de Palmas Lúcio Campelo, candidato a deputado estadual pelo PR, foi à tribuna da Câmara Municipal nessa terça-feira, 2, para denunciar a compra "desenfreada" de votos nesta campanha eleitoral; sem citar nomes, Campelo afirmou que há falta de comprometimento e de comportamento, tanto por parte da classe política quanto da sociedade para combater a prática; "Sociedade tocantinense está vivendo deste vício, da troca do voto pelo favor. E não há qualquer candidato ou qualquer político que tenha a coragem de vir a público alertar a sociedade sobre este equívoco, que é o de deixar de ter um representante legal para ter um representante corrupto", declarou
O vereador de Palmas Lúcio Campelo, candidato a deputado estadual pelo PR, foi à tribuna da Câmara Municipal nessa terça-feira, 2, para denunciar a compra "desenfreada" de votos nesta campanha eleitoral; sem citar nomes, Campelo afirmou que há falta de comprometimento e de comportamento, tanto por parte da classe política quanto da sociedade para combater a prática; "Sociedade tocantinense está vivendo deste vício, da troca do voto pelo favor. E não há qualquer candidato ou qualquer político que tenha a coragem de vir a público alertar a sociedade sobre este equívoco, que é o de deixar de ter um representante legal para ter um representante corrupto", declarou (Foto: Aquiles Lins)

Tocantins 247 - O vereador Lúcio Campelo (PR) fez um discurso em tom de desabafo na Tribuna da Câmara Municipal nessa terça-feira, 2. Falando sobre o processo eleitoral do estado, Campelo afirmou que há falta de comprometimento e de comportamento, tanto por parte da classe política quanto da sociedade, no que diz respeito ao processo eleitoral.

"Vejo como uma situação vexatória o comportamento de alguns políticos dentro de nosso Estado, que buscam o poder pelo poder. Estão fazendo a política do aliciamento, em cima da miséria e da dificuldade que alguns setores de nossa sociedade têm vivido. Políticos que não medem as consequências para obter o voto, que querem o voto a qualquer preço, a qualquer custo, e que estão disseminando por esse Estado uma corrupção eleitoral desenfreada", disparou Campelo, sem citar nomes.

As críticas de Campelo foram duras também para a conivência dos eleitores com a compra de votos. Para o vereador, que é candidato a deputado estadual, ao vender o voto, o eleitor perde sua dignidade para cobrar ações após a eleição. "A sociedade tocantinense, tal qual a sociedade brasileira, está vivendo deste vício, da troca do voto pelo favor. E não há qualquer candidato ou qualquer político que tenha a coragem de vir a público alertar a sociedade sobre este equívoco, que é o de deixar de ter um representante legal para ter um representante corrupto, aquele que comprou seu voto, que lhe fez um favor em detrimento de seu voto", declarou.

O vereador ressaltou o que tem visto em suas andanças pelo Estado. "Eu poderia citar uma infinidade de candidatos a deputado estadual e federal que anda aliciando as pessoas por esse Estado, 'tomando' lideranças com base no poder econômico. É isso o que tenho visto por todo nosso Estado, e a sociedade se permitindo a isso, vendendo a sua dignidade em troca de uma falsa promessa de um futuro emprego. Tenho coragem de sobra para enfrentar os tubarões da política do Tocantins nesse processo de desigualdade política que nós estamos vivendo", afirmou. 

O vereador do PR disse ainda sobre as eleições deste ano que a sociedade está se "pervertendo" ao permitir a venda de votos. "A sociedade brasileira perdeu seus conceitos éticos, os princípios básicos de moral e de família. Nossa sociedade está se pervertendo, trocando o voto por um favor, por uma benesse qualquer e comprometendo os interesses coletivos de todo um país, de todos os Estados da nação. Isso é uma situação que precisa ser revista pela própria sociedade, por isso que todo mundo diz e há o dito popular: "a sociedade tem os políticos que merece". A mudança terá que vir da sociedade, do povo, e não de cima para baixo. Do jeito que está é muito confortável para a classe política".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247