Campeões mundiais receberão cheques de R$ 100 mil

A premiação está prevista na Lei Geral da Copa, sancionada em junho do ano passado; Tostão foi o único que recusou o prêmio

Campeões mundiais receberão cheques de R$ 100 mil
Campeões mundiais receberão cheques de R$ 100 mil
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Mariana Tokarnia
Repórter da Agência Brasil

Brasília - A partir de segunda-feitra (15), 51 jogadores campeões mundiais nas copas de 1958 (Suécia), 1962 (Chile) e 1970 (México) ou seus sucessores legais, no caso de morte, vão receber R$ 100 mil do Ministério do Esporte, segundo informou o site do órgão. A premiação está prevista na Lei Geral da Copa, sancionada em junho do ano passado.

De acordo com a pasta, a ordem bancária já foi emitida e o dinheiro estará disponível a partir de segunda-feira nas contas dos campeões. Somente o ex-atacante Tostão recusou o prêmio. Da lista total, 15 jogadores já morreram. A lei estabelece que “os sucessores previstos na lei civil, indicados em alvará judicial expedido a requerimento dos interessados, independentemente de inventário ou arrolamento, poderão se habilitar para receber os valores proporcionais à sua cota-parte”.

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247