Campos inicia viagens pelo País após a Páscoa

Com o objetivo de se tornar mais conhecido nacionalmente visando a eleição presidencial, o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) começa a colocar o pé na estrada na próxima terça-feira (22), um dia após o fim do período de Páscoa; dentre os principais pré-candidatos à Presidência da República – Dilma Rousseff (PT), que tentará a reeleição, senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o próprio Campos – o socialista é o mais desconhecido pela população; a maratona do ex-chefe do Executivo pernambucano tem início em Santa Catarina e a expectativa é que 150 cidades de todo o país sejam visitadas até o final de junho  

Com o objetivo de se tornar mais conhecido nacionalmente visando a eleição presidencial, o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) começa a colocar o pé na estrada na próxima terça-feira (22), um dia após o fim do período de Páscoa; dentre os principais pré-candidatos à Presidência da República – Dilma Rousseff (PT), que tentará a reeleição, senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o próprio Campos – o socialista é o mais desconhecido pela população; a maratona do ex-chefe do Executivo pernambucano tem início em Santa Catarina e a expectativa é que 150 cidades de todo o país sejam visitadas até o final de junho
 
Com o objetivo de se tornar mais conhecido nacionalmente visando a eleição presidencial, o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) começa a colocar o pé na estrada na próxima terça-feira (22), um dia após o fim do período de Páscoa; dentre os principais pré-candidatos à Presidência da República – Dilma Rousseff (PT), que tentará a reeleição, senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o próprio Campos – o socialista é o mais desconhecido pela população; a maratona do ex-chefe do Executivo pernambucano tem início em Santa Catarina e a expectativa é que 150 cidades de todo o país sejam visitadas até o final de junho   (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 – Com o objetivo de se tornar mais conhecido nacionalmente visando a eleição presidencial, o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB) começa a colocar o pé na estrada na próxima terça-feira (22), um dia após o fim do período de Páscoa. Dentre os principais pré-candidatos à Presidência da República – Dilma Rousseff (PT), que tentará a reeleição, senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o próprio Campos – o socialista é o mais desconhecido pela população. Até junho, a expectativa é que 150 cidades sejam visitadas

A maratona do ex-chefe do Executivo pernambucano tem início em Santa Catarina e, de lá, o gestor desembarca no Paraná, onde se encontra com os prefeitos de Foz do Iguaçu, Reni Pereira (PSB), e de Cascavel, Edgar Bueno (PDT). As duas cidades ficam no Oeste paranaense e são consideradas polos regionais daquele estado. 

O município de Foz do Iguaçu se destaca pelo turismo e pelo comércio na fronteira com o Paraguai e com a Argentina. Por sua vez, Cascavel tem a produção agropecuária como motor do seu desenvolvimento econômico. Na mesma cidade, Campos receberá um documento da Associação dos Municípios do Oeste do Paraná (Amop) com reivindicações das prefeituras de programas e obras de infraestrutura. Também forma o Oeste paranaense as cidades de Medianeira, Palotina, Assis Chateaubriand e Marechal Cândido Rondon. 

O presidenciável pelo PSB também fará uma palestra para prefeitos do Oeste do Paraná, e deverá reforçar um dos principais motes do seu discurso, que é a revisão do Pacto Federativo, cuja finalidade é descentralizar os recursos da União. 

Na quinta-feira (24), Campos chega a Belém (PA), onde almoçará com empresários da Federação das Indústrias do Estado do Pará (Fiepa), da Federação do Comércio do Pará (Fecomércio-PA) e da Federação da Agricultura do Pará (Faepa). Na noite do mesmo dia, o socialista terá um encontro com militantes do PSB. 

Na sexta-feira (25), o ex-governador desembarca em Manaus (AM), onde receberá o título de cidadão da capital. O ex-governador também visitará a fábrica da Honda e se encontrará com o empresário Phelippe Daou, proprietário da Rede Amazônica, afiliada da Rede Globo e dona de emissoras de rádio e TV espalhadas pela Região Norte.

No dia seguinte (26), integrantes do PSB, da Rede Sustentabilidade, do PPS e do PPL farão um encontro programático, o último dos cinco encontros regionais promovidos pela sigla socialista, com o objetivo de discutir o programa de governo elaborado pela legenda. O evento ocorrerá na Assembleia Legislativa do Amazonas (ALEAM).

Desde que deixou o governo de Pernambuco, no início de abril, Campos esteve em São Paulo, para onde se mudou no começo desta semana; em Brasília, onde lançou sua pré-candidatura junto com a sua correligionária e ex-ministra de Meio Ambiente Marina Silva, que será sua vice; e no Rio de Janeiro. 

A pesquisa Ibope, divulgada nesta quinta-feira (17), mostrou que a presidente Dilma continua na liderança na corrida presidencial, com 37% da intenções de voto. O percentual representa baixa de três pontos percentuais em relação a março, quando a petista tinha 40% das intenções de voto.

Apesar de a chefe do Executivo Federal ter caído, o levantamento mostrou que Aécio e Campos continuam sem apresentar variações significativas, ou seja, tanto para o tucano como para o socialista o grande desafio é se tornarem conhecidos nacionalmente para alavancarem seus respectivos percentuais de voto. O senador apareceu com 14% do eleitorado – em março tinha 13% - e o ex-governador continuou estagnado nos 6%.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247