Campos: pesquisas não são “verdade absoluta”

Pré-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB) desacredita de cenário político apontado por levantamentos que "compara alguém que é 100% conhecido da população com outros que têm um baixo nível de conhecimento"; em vídeo gravado em Taubaté, interior paulista, ele afirma: "só acreditam nesses números como se fosse uma verdade absoluta os que querem se enganar"; pesquisa Ibope divulgada na quinta-feira aponta o ex-governador de Pernambuco com 6% das intenções de voto

Pré-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB) desacredita de cenário político apontado por levantamentos que "compara alguém que é 100% conhecido da população com outros que têm um baixo nível de conhecimento"; em vídeo gravado em Taubaté, interior paulista, ele afirma: "só acreditam nesses números como se fosse uma verdade absoluta os que querem se enganar"; pesquisa Ibope divulgada na quinta-feira aponta o ex-governador de Pernambuco com 6% das intenções de voto
Pré-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB) desacredita de cenário político apontado por levantamentos que "compara alguém que é 100% conhecido da população com outros que têm um baixo nível de conhecimento"; em vídeo gravado em Taubaté, interior paulista, ele afirma: "só acreditam nesses números como se fosse uma verdade absoluta os que querem se enganar"; pesquisa Ibope divulgada na quinta-feira aponta o ex-governador de Pernambuco com 6% das intenções de voto (Foto: Gisele Federicce)

Pernambuco 247 – O ex-governador de Pernambuco e pré-candidato à Presidência da República, Eduardo Campos (PSB), divulgou um vídeo nesta terça-feira 22 em que diminui o valor das pesquisas eleitorais. Segundo ele, os números revelados em pesquisas não são "verdade absoluta", pois compara candidatos 100% conhecidos da população com outros menos conhecidos.

"O quadro eleitoral hoje, quando você compara alguém que é 100% conhecido da população com outros que têm um baixo nível de conhecimento, só acreditam nesses números como se fosse uma verdade absoluta os que querem se enganar", disse Campos. O vídeo foi gravado no sábado 19 para o Jornal Contato, de Taubaté (SP), onde Campos jantou com vereadores e com o prefeito Ortiz Junior.

Na última pesquisa Ibope, divulgada na quinta-feira 17, Eduardo Campos aparece com 6% das intenções de voto do eleitorado, atrás de Aécio Neves, que tem 14%, e da presidente Dilma Rousseff, que ainda venceria a disputa no primeiro turno, com 37%. Cenário com a ex-senadora Marina Silva no lugar do ex-governador dá 10% de votos para a aliada de Campos.

Já o Datafolha divulgado nesta segunda-feira 21 e que leva em conta apenas o eleitor que "conhece bem" os pré-candidatos animou a campanha do PSB. Em primeiro lugar, Eduardo Campos registra 28% das intenções de voto, enquanto Dilma aparece com 26% e Aécio, com 24%. Em função da margem de erro, Campos e Dilma estão empatados tecnicamente.

Na avaliação de Campos, entre agosto e setembro, os 70% da população brasileira que querem mudanças começarão a mostrar seu posicionamento, à medida em que tomam conhecimento dos nomes e das propostas de quem está na disputa. "E aí o quadro eleitoral vai se alterando", afirma ele no vídeo. Assista abaixo: 

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247