Campos tenta tirar PP da base de Dilma

Presidenciável do PSB se encontrou três vezes com o senador Ciro Nogueira (PI) no último mês; a frente do Ministério das Cidades, PP tem encontro marcado para março com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pode reavaliar participação no governo se não conquistar maior espaço na coligação nacional

Presidenciável do PSB se encontrou três vezes com o senador Ciro Nogueira (PI) no último mês; a frente do Ministério das Cidades, PP tem encontro marcado para março com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pode reavaliar participação no governo se não conquistar maior espaço na coligação nacional
Presidenciável do PSB se encontrou três vezes com o senador Ciro Nogueira (PI) no último mês; a frente do Ministério das Cidades, PP tem encontro marcado para março com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pode reavaliar participação no governo se não conquistar maior espaço na coligação nacional (Foto: Roberta Namour)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 – Para reforçar sua candidatura e aumentar o tempo de exposição na TV, o presidenciável Eduardo Campos (PSB) tenta tirar conquistar o apoio do PP e tira-lo da base aliada da presidente Dilma Rousseff. No último mês, ele se encontrou três vezes com o senador Ciro Nogueira (PI).

A frente do Ministério das Cidades, o deputado Eduardo da Fonte tem um encontro marcado em março com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sobre seu espaço na coligação nacional. Dependendo da resposta, o partido pode cruzar a fronteira.

O PP já trabalha com o PSB em acordos estaduais. No sábado, em Porto Alegre, Campos reforçou o apoio à candidatura da senadora Ana Amélia (PP-RS) ao governo gaúcho. No Piauí, praça política de Nogueira, a aliança pré-costurada com o PT pode cair a qualquer momento.

Leia aqui a matéria do Valor sobre o assunto.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email