Caos de Parente: Usinas de açúcar e álcool de SP param produção

De acordo com a União da Indústria de Cana-de-Açúcar, as 150 usinas de São Paulo param de funcionar nesta terça-feira (29); protestos dos caminhoneiros nas rodovias provocaram a falta de peças e de diesel para abastecer máquinas e equipamentos nas indústrias; prejuízo é de R$ 180 milhões por dia; estado é o maior produtor de cana do país; produz 60% do etanol e açúcar

Trator carrega cana de açúcar em plantanção em Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil 15/09/2016 REUTERS/Nacho Doce
Trator carrega cana de açúcar em plantanção em Ribeirão Preto, São Paulo, Brasil 15/09/2016 REUTERS/Nacho Doce (Foto: Voney Malta)

SP 247 – O balanço é assustador e o custo para a economia é desastroso com o fechamento de todas as usinas de açúcar e álcool de São Paulo. Até esta terça-feira (29), todas as 150 usinas vão parar. O prejuízo ultrapassa R$ 180 milhões por dia.

Previsão está sendo feita pela principal entidade do setor sucroenergético brasileiro, a Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar). Segundo a entidade, os protestos nas rodovias brasileiras provocaram a falta de peças e de diesel para abastecer máquinas e equipamentos nas indústrias e desabasteceram os estoques de alimentos no refeitório.

O Estado de São Paulo é o maior produtor de cana do país e responde por 60% do etanol e açúcar fabricados.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247