Carbo Gás investe R$ 1 mi para entrar no segmento de limpeza industrial

A Carbo Gás, empresa do grupo pernambucano JB, ingressou no segmento de de gelo seco voltado para aplicações de limpeza industrial,A unidade, no Cabo de Santo Agostinho, que recebeu investimentos de R$ 1 milhão, possui capacidade para produzir até 120 quilos/hora de gelo seco; segundo o diretor executivo da companhia, Fernando Mota, a planta atenderá inicialmente os mercados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte; dentre os clientes visados estão montadoras, usinas, refinarias e indústrias de alimentos

A Carbo Gás, empresa do grupo pernambucano JB, ingressou no segmento de de gelo seco voltado para aplicações de limpeza industrial,A unidade, no Cabo de Santo Agostinho, que recebeu investimentos de R$ 1 milhão, possui capacidade para produzir até 120 quilos/hora de gelo seco; segundo o diretor executivo da companhia, Fernando Mota, a planta atenderá inicialmente os mercados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte; dentre os clientes visados estão montadoras, usinas, refinarias e indústrias de alimentos
A Carbo Gás, empresa do grupo pernambucano JB, ingressou no segmento de de gelo seco voltado para aplicações de limpeza industrial,A unidade, no Cabo de Santo Agostinho, que recebeu investimentos de R$ 1 milhão, possui capacidade para produzir até 120 quilos/hora de gelo seco; segundo o diretor executivo da companhia, Fernando Mota, a planta atenderá inicialmente os mercados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte; dentre os clientes visados estão montadoras, usinas, refinarias e indústrias de alimentos (Foto: Paulo Emílio)

Pernambuco 247 - A Carbo Gás, empresa do grupo pernambucano JB, ingressou em um mercado ainda pouco difundido no Brasil: o de gelo seco voltado para aplicações de limpeza industrial. A unidade, que recebeu investimentos de R$ 1 milhão, possui capacidade para produzir até 120 quilos/hora de gelo seco e, segundo o diretor executivo da Carbo Gás, Fernando Mota, a planta atenderá inicialmente os mercados de Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.

"Detectamos uma necessidade no mercado para o gelo seco e esse tipo de solução. De olho na demanda, resolvemos incluir, no nosso plano de negócios 2015/2017, os investimentos necessários para atender o nicho. Vamos atender às indústrias que se instalaram no mercado pernambucano desde os anos 2000", disse Mota. Dentre os clientes visados estão montadoras, usinas, refinarias e indústrias de alimentos.

Apesar do custo do gelo seco ser mais alto que outros métodos de jateamento como granalha ou mesmo solventes, as vantagens em relação ao meio ambiente, segurança e saúde são alguns pontos que fazem a diferença. "Além disso, existe o custo de tempo. Recentemente realizamos um trabalho de limpeza em uma usina termelétrica que feito pelos moldes tradicionais levaria mais de quatro dias. Realizamos em poucas horas. Este custo não tem como ser dimensionado", explica Mota.

A Carbo Gás conta atualmente com cinco plantas industriais voltadas para a produção do CO2 puro liquefeito localizadas em Vitória de Santo Antão, na Zona da Mata Sul de Pernambuco, a 45 quilômetros do Recife. Mais duas plantas estão instaladas em Linhares, no Espírito Santo. Juntas, elas possuem capacidade instalada de 432 toneladas por dia de CO2. . Atualmente a empresa opera com 60% desta capacidade. No não passado, a Carbo Gás registrou m faturamento de cerca de R$ 40 milhões.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247