Catalão: Jardel encontra documentos queimados

Suspeita é que questionários de avaliação social tenham sido destruídos com objetivo de esconder ações ilegais em doações da Pasta. Servidor que pôs fogo diz que documentos eram datados entre 2001 e 2012. Prefeito Jardel Sebba já denunciou que outros documentos importantes sumiram e bens materiais foram levados da sede da prefeitura de Catalão

Catalão: Jardel encontra documentos queimados
Catalão: Jardel encontra documentos queimados (Foto: Divulgação)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247_ Secretária de Ação Social e primeira-dama do município de Catalão, Anna Sebba, encontrou nos fundos da sede da Secretaria um monte de cinzas de pelo menos quatro metros quadrados, decorrentes de documentos queimados. Questionado sobre as cinzas, o servidor da prefeitura, Jesus Manoel de Oliveira, afirmou que ajudou a queimar os documentos.

“Pediram para queimar, então queimamos. Fomos queimando e foi uma semana queimando tudo. Eram papéis de atestado de carência. Eu sei que o que eram, porque mexo com este serviço”, denunciou. Dezenas de ferragens de pastas de arquivo estavam misturadas à latas de tinner (utilizadas para atear fogo nos documentos).

De acordo com Anna Sebba, a única hipótese para queimar os documentos seria esconder ações ilegais da Ação Social em doações feitas pela pasta, como cestas básicas e materiais de construção. “Acredita-se que muitas pessoas que não se encaixavam nos requisitos para receber os benefícios, foram selecionadas, e mesmo assim conseguiram ser atendidas”, avaliou.

A Tv Serra Dourada deslocou a Catalão uma equipe de reportagem para apurar a denúncia, veiculada em seus telejornais nos dias 08 e 09 de janeiro. A emissora também mostra na reportagem o mato alto que tomou conta das ruas da cidade e os diversos carros e máquinas em situação de abandono que foram deixados pela gestão do ex-prefeito Velomar Rios.

Desde que assumiu a prefeitura, o prefeito Jardel Sebba (PSDB) enfrenta um verdadeiro caos administrativo-financeiro. Máquinas sucateadas, dívidas deixadas pelo ex-prefeito, cidade esburacada e cheia de mato, entre outros problemas. Funcionários públicos denunciaram o roubo de itens do patrimônio público e o desaparecimento de documentos importantes em algumas secretarias.

Reportagem da TV Serra Dourada:

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email