Celpe deixa Ipojuca

Companhia Energtica de Pernambuco (Celpe) passa para a administrao municipal a responsabilidade da regulao da iluminao pblica. Servios como troca de lmpadas e luminrias sero realizados pelo Poder Municipal

Celpe deixa Ipojuca
Celpe deixa Ipojuca (Foto: Dolce Vita/Shutterstock)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

PE247 – Os serviço de reparo e manutenção da iluminação pública, no município de Ipojuca, Litoral Sul de Pernambuco, agora são de responsabilidade da prefeitura da cidade. A partir desta próxima terça-feira (17), a Companhia Energética de Pernambuco (Celpe) deixa de realizar este tipo de manutenção na cidade – continuando, porém, com os serviços de distribuição de energia em casas, estabelecimentos comerciais, industriais e edifícios públicos. A concessionária deve acompanhar esta “transição” em Ipojuca, mas deve continuar responsável também pelos postes de distribuição e linhas de transmissão, substituindo-as quando necessário.

A transferência do serviço abrange, além da própria cidade de Ipojuca, a iluminação pública das praias de Porto de Galinhas, Muro Alto, Cupe, Serrambi e Toquinho, e os distritos de Camela e Nossa Senhora do Ó. No período de transição, a Celpe permanecerá atendendo aos chamados para solicitação de serviços e reparos nesses locais até o dia 22 deste mês. A partir de então, a administração municipal passará a atender os moradores e veranistas através do telefone 0800.081.0061.

Em Pernambuco, outras quatro cidades já contam com o serviço municipalizado. As prefeituras do Recife, de Olinda e de Jaboatão dos Guararapes administram a iluminação pública há mais de uma década. Já o Cabo de Santo Agostinho assumiu essa gestão desde setembro do ano passado. Para Ipojuca, a Celpe transferiu o acervo de equipamentos e material que inclui 5,9 mil pontos de iluminação e 7,8 mil lâmpadas.

A Celpe permanecerá atuando como arrecadadora da contribuição de iluminação pública (CIP), inserida na fatura de energia elétrica, e repassando o montante recolhido mensalmente para as prefeituras.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email