Comissão de Saúde da Alese aprova Pró-Redes

Projeto foi aprovado nesta quarta (23), por unanimidade, na Comissão de Saúde, presidida pelo deputado estadual Gilson Andrade (PTC); os parlamentares seguiram o voto do relator Zé Franco (PDT) e aprovaram, por unanimidade, o empréstimo de R$ 250 milhões para a saúde pública; Pró-Redes está agora na comissão de Finanças; o deputado Paulinho da Varzinhas (PT do B) é o relator

Projeto foi aprovado nesta quarta (23), por unanimidade, na Comissão de Saúde, presidida pelo deputado estadual Gilson Andrade (PTC); os parlamentares seguiram o voto do relator Zé Franco (PDT) e aprovaram, por unanimidade, o empréstimo de R$ 250 milhões para a saúde pública; Pró-Redes está agora na comissão de Finanças; o deputado Paulinho da Varzinhas (PT do B) é o relator
Projeto foi aprovado nesta quarta (23), por unanimidade, na Comissão de Saúde, presidida pelo deputado estadual Gilson Andrade (PTC); os parlamentares seguiram o voto do relator Zé Franco (PDT) e aprovaram, por unanimidade, o empréstimo de R$ 250 milhões para a saúde pública; Pró-Redes está agora na comissão de Finanças; o deputado Paulinho da Varzinhas (PT do B) é o relator (Foto: Valter Lima)

Agência Alese - O projeto de lei do Programa de Fortalecimento das Redes de Inclusão Social e de Atenção à Saúde (ProRedes) foi aprovado hoje, por unanimidade, na Comissão de Saúde, presidida pelo deputado estadual Gilson Andrade (PTC). O projeto autoriza o governo do Estado a contratar empréstimo de até R$ 250 milhões junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). Na semana passada, dia 16, o projeto já tinha sido aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ).

Na Comissão de Saúde, os deputados seguiram o voto do relator Zé Franco (PDT) e aprovaram, por unanimidade, o projeto ProRedes. O PL está tramitando em regime de urgência na Assembleia, depois da liminar da Justiça.

Para seguir para votação em plenário o projeto precisa ser votado na Comissão de Economia e Finanças. Segundo o presidente dessa Comissão, deputado estadual Antônio dos Santos (PSC), foi nomeado como relator do projeto o deputado Paulinho da Varzinhas (PTdoB). Agora ele terá quatro dias para apresentar seu parecer. "Quando ele disser que está pronto, eu como presidente convoco reunião da Comissão de Economia e Finanças para votar o projeto", disse Antônio dos Santos.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247