Controladora do Tinder eleva receita no trimestre com adição de usuários pagantes

O Tinder revelou nesta terça-feira uma versão do serviço voltada apenas para estudantes e que será lançada no próximo mês, o “Tinder U”

Controladora do Tinder eleva receita no trimestre com adição de usuários pagantes
Controladora do Tinder eleva receita no trimestre com adição de usuários pagantes
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

(Reuters) - O aplicativo de relacionamento Tinder atraiu milhares de usuários pagantes no segundo trimestre, o que ajudou a controladora Match Group a ter um resultado trimestral acima do esperado e a elevar previsões de receita para o ano.

A Match Group, que também tem os serviços de relacionamento PlentyOfFish, Match.com e OkCupid, tem investido pesado para levar o Tinder para mercados emergentes e promover seus outros produtos.

As ações da companhia subiram 13 por cento, para 44,04 dólares no pregão após o encerramento, depois de informar que o Tinder atraiu 300 mil usuários pagantes no segundo trimestre. Analistas do Goldman Sachs esperavam uma adição de 278 mil.

O Tinder tem atualmente uma média de 3,8 milhões de usuários. No total, a Match tem 7,7 milhões de usuários.

O Tinder revelou nesta terça-feira uma versão do serviço voltada apenas para estudantes e que será lançada no próximo mês, o “Tinder U”.

A Match agora espera receita para 2018 de entre 1,68 bilhão e 1,72 bilhão de dólares ante a expectativa anterior de faturamento entre 1,6 bilhão e 1,7 bilhão de dólares.

As ações da empresa mais que dobraram de valor nos últimos 12 meses, acumulando valorização de 23 por cento em 2018, apesar do Facebook ter anunciado que vai lançar seu próprio serviço de relacionamento.

A receita da Match no segundo trimestre subiu 36 por cento, para 421 milhões de dólares, superando expectativa média de analistas de 412,8 milhões, segundo dados da Thomson Reuters I/B/E/S. O lucro líquido atribuível a acionistas saltou de 51,4 milhões para 132,5 milhões de dólares.

Por Pushkala Aripaka em Bangalore, Índia

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247