Coronel garante apuração de desvios de conduta na PM

Comandante-geral da Polícia Militar, Edson Araújo garante que corregedoria investiga e produz inquéritos que são encaminhados à Justiça; coronel também rebate deputado Mauro Rubem (PT) e diz que não existe grupo de extermínio dentro da corporação. Parlamentar petista e o tucano Túlio Isac travam debate acalorado sobre segurança pública no programa Paulo Beringhs

Coronel garante apuração de desvios de conduta na PM
Coronel garante apuração de desvios de conduta na PM
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás247_ O programa TBC News – Edição da Noite, comandado pelo jornalista Paulo Berighs, falou de Direitos Humanos e da existência de um suposto grupo de extermínio dentro da Polícia Militar. Os debatedores foram o deputado estadual petista e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia, Mauro Rubem; o deputado estadual Túlio Isac e o comanda-Geral da Polícia Militar, Edson Araújo.

Mauro Rubem e Túlio Isac travam debates acalorados na tribuna da Assembleia. O tucano defende uma atuação rígida da PM contra os marginais e acusa o petista de pressionar a polícia com as diretrizes dos direitos humanos.

O coronel Edson Araújo negou a existência de um grupo de extermínio dentro da PM goiana e disse que os casos de desvio de conduta são investigados pela Corregedoria e encaminhados à Justiça. Mauro Rubem faz oposição ferrenha ao governo estadual e criticou a segurança pública, que segundo ele é o direito do cidadão que não está sendo cumprido.

“Nossa corregedoria tem instaurado os procedimentos necessários. A PM abre inquérito e Polícia Civil também e o material é enviado à Justiça”, afirmou o comandante da corporação.

O parlamentar do PT sugere a integração das polícias Civil e Militar como forma de melhorar a segurança pública. Edson Araújo reconheceu que a medida pode ser benéfica, mas disse que hoje cada polícia tem seu papel bem definido. “Não pode haver a cultura do extermínio”, disse Mauro Rubem.

“A presunção da inocência precisa também ser dada ao policial militar. Os policias têm dificuldades em cumprir seu papel. Ficam com medo de agir, pois temem ser se taxados de exterminador”, rebateu o coronel.

O comandante Edson Araújo criticou as políticas públicas do governo federal. Disse que é preciso apoiar e oferecer recursos para as polícias militares estaduais. Falou também que a Polícia Federal não consegue vigiar as fronteiras do País e ressaltou que a crise na segurança pública é hoje um problema nacional.

Confronto: Túlio Isac x Mauro Rubem

O programa comandado por Paulo Beringhs esquentou quando o começou o duelo particular entre Mauro Rubem e Túlio Isac. O petista disse que o governo de Marconi Perillo não funciona na segurança pública. Túlio rebateu e afirmou que os direitos humanos em Goiás não deixam a segurança pública trabalhar”.

“Essa é a bandeira do PT – desmoralizar a polícia militar para a sociedade. Não vejo a mesma atitude do Mauro Rubem quando um policial é morto em serviço”, disse Túlio em referência ao trabalho prestado pelo petista. 

O debate continuou acirrado. “A forma que vocês fazem segurança publica não é eficiente”, disse Rubem a Túlio Isac. Ele também citou um relatório em que apontou deficiências na segurança publica e garantiu que policias que cometem desvios de conduta são inocentados.

Túlio Isac afirmou que Marconi Perillo foi o governador que mais investiu em segurança pública. “A polícia antigamente andava em carro velho, revólver não funcionava, salário era baixo e não tinha equipamento”, disse.

O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email