Correia aponta ‘fatos estranhos’ na véspera do 1º de Maio

Em vídeo, o deputado estadual Rogério Correia (PT) afirmou os tiros contra o acampamento em favor do ex-presidente Lula e contra o processo de impeachment do governador de Minas, Fernando Pimentel, são fatos muito "estranhos"; parlamentar criticou, ainda, o governo de Michel Temer; "Está colocando o Brasil em uma situação extremamente precária"; assista

Rog�rio Correia (deputado estadual PT/MG)
Rog�rio Correia (deputado estadual PT/MG) (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - O deputado estadual Rogério Correia (PT) chamou a atenção para os tiros contra o acampamento em favor do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e contra o processo de impeachment do governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, fatos que, de acordo com o parlamentar, são muito "estranhos".

Segundo Correia, existe um boate de que Lula será transferido para um presídio no Paraná antes do 1º de maio (Dia do Trabalho) e que isso está sendo monitorado pelo Exército brasileiro, fato completamente estranho".

"Em Minas, um advogado nitidamente bolsonarista abre um processo de impeachment contra o governador Fernando Pimentel sem pé nem cabeça sem motivação alguma real. Apenas para conturbar o quadro político", disse.

O parlamentar também criticou o governo Michel Temer, que, segundo Correia, "está colocando o Brasil em uma situação extremamente precária, com aumento do desemprego, a recessão continuando". "Não há crescimento econômico, o Brasil perdendo direitos. É preciso reagir. Conclamamos vocês a participar desta frente antigolpe em Minas e também para participar ativamente do 1º de maio. Sempre na luta. Lula Livre", disse.

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247