Cristiano Ronaldo espera que brasileiros torçam por Portugal

"Portugal e Brasil têm conexões históricas e ambos os países falam a mesma língua. Por isso, eu acho que vai ser uma experiência fantástica e acredito que os brasileiros também vão torcer por nós", disse ele

Portugal's Cristiano Ronaldo celebrates his goal against Sweden during the second leg of their 2014 World Cup qualifying soccer match against Portugal at Friends Arena in Stockholm November 19, 2013. REUTERS/Pontus Lundahl/TT News Agency (SWEDEN - Tags: S
Portugal's Cristiano Ronaldo celebrates his goal against Sweden during the second leg of their 2014 World Cup qualifying soccer match against Portugal at Friends Arena in Stockholm November 19, 2013. REUTERS/Pontus Lundahl/TT News Agency (SWEDEN - Tags: S (Foto: Leonardo Attuch)

Reuters - O capitão da seleção de Portugal, Cristiano Ronaldo, acredita no apoio dos torcedores brasileiros a sua equipe na Copa do Mundo, em que os portugueses foram sorteados para o mais difícil dos oito grupos, segundo o atacante.

"Disputar o Mundial em um país irmão como o Brasil é atrativo", escreveu o melhor jogador do mundo em um blog para o portal Sportlobster.

"Portugal e Brasil têm conexões históricas e ambos os países falam a mesma língua. Por isso, eu acho que vai ser uma experiência fantástica e acredito que os brasileiros também vão torcer por nós", disse.

O atacante do Real Madrid tem sofrido com uma tendinite e uma lesão na coxa, e é essencial para Portugal que ele esteja recuperado para o jogo crucial de estreia contra Alemanha em Salvador, no dia 16 de junho.

Os outros adversários no grupo são Gana e Estados Unidos.

"Na minha opinião, nós temos o grupo mais forte do Mundial, mas devemos dar um passo de cada vez", disse Ronaldo.

"Nossa meta é obviamente avançar da fase de grupos e então vamos ver. Chegamos ao Brasil com esperança, mas vamos também nos certificar de manter os pés no chão."

Após vencer a final da Liga dos Campeões com o Real no mês passado, Ronaldo está ansioso em garantir uma primeira grande conquista para seu país, que surpreendeu ao perder a final da Eurocopa 2004 em Lisboa para a Grécia.

"É um enorme orgulho representar e ser capitão na seleção portuguesa", acrescentou.

"Me enche de orgulho, satisfação, prazer e honra, mas é também uma grande responsabilidade."

(Por Steve Tongue)

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247