Daniel abre linha com setores produtivos da economia goiana

Ao lado dos postulantes ao Senado Agenor Mariano (MDB) e Vanderlan Cardoso (PP), o candidato a governador Daniel Vilela (MDB) reuniu-se com lideranças do Sinroupas/Agicom para debater os problemas e buscar soluções para a retomada do crescimento do setor. "A nova política é enfrentar os problemas, é agir de forma transparente, verdadeira, e apresentando soluções. É nisto que acreditamos e é o que vamos levar ao conhecimento dos goianos nesta campanha. Hoje falamos ao Sinroupas/Agicom e vamos fazer o mesmo com as diversos áreas produtivas da economia goiana", assinalou.

Daniel abre linha com setores produtivos da economia goiana
Daniel abre linha com setores produtivos da economia goiana
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Goiás 247 - Ao lado dos postulantes ao Senado Agenor Mariano (MDB) e Vanderlan Cardoso (PP), o candidato a governador Daniel Vilela (MDB) reuniu-se com lideranças do Sinroupas/Agicom para debater os problemas e buscar soluções para a retomada do crescimento do setor.

"A nova política é enfrentar os problemas, é agir de forma transparente, verdadeira, e apresentando soluções. É nisto que acreditamos e é o que vamos levar ao conhecimento dos goianos nesta campanha. Hoje falamos ao Sinroupas/Agicom e vamos fazer o mesmo com as diversos áreas produtivas da economia goiana", assinalou.

Daniel disse que segmento têxtil é um dos que mais gera empregos em Goiás e tem muito a ganhar com um Estado que seja eficiente na prestação de serviços. "Estamos abrindo linha direta com os setores produtivos de Goiás. Essa é nossa meta. Com novas ideias e novos caminhos, vamos chegar lá e fazer muito mais por Goiás".

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247