De Assis: querem entregar o País ao capital internacional

Em plenária organizada pela Frente Brasil Popular, o presidente do PT Ceará, Francisco De Assis Diniz, defendeu a união da esquerda para barrar o avanço da direita golpista, que quer “entregar o Brasil ao capital internacional financeiro”. “Temos de fazer da unidade o elemento central para que não percamos todos os processos de conquista dos últimos anos”, disse.

Em plenária organizada pela Frente Brasil Popular, o presidente do PT Ceará, Francisco De Assis Diniz, defendeu a união da esquerda para barrar o avanço da direita golpista, que quer “entregar o Brasil ao capital internacional financeiro”. “Temos de fazer da unidade o elemento central para que não percamos todos os processos de conquista dos últimos anos”, disse.
Em plenária organizada pela Frente Brasil Popular, o presidente do PT Ceará, Francisco De Assis Diniz, defendeu a união da esquerda para barrar o avanço da direita golpista, que quer “entregar o Brasil ao capital internacional financeiro”. “Temos de fazer da unidade o elemento central para que não percamos todos os processos de conquista dos últimos anos”, disse. (Foto: Rodrigo Rocha)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Ceará247 - O presidente do PT Ceará, Francisco de Assis Diniz, acredita que neste momento a esquerda brasileira deve se manter unida para lutar contra o avançado direita golpista, que vem levando às últimas consequências a ameaça ao estado democrático de direita e às conquistas dos trabalhadores obtidas nos últimos anos.

Em conversa com os militantes durante plenária organizada nesta segunda (25) pela Frente Brasil Popular, De Assis acusou a direita de querer “entregar o Brasil ao capital internacional financeiro”. “O jogo é duro e eles sabem onde querem chegar. Temos de fazer da unidade o elemento central para que não percamos todos os processos de conquista dos últimos anos”, completou. 

Durante a plenária, foram marcados diversos atos contra o golpe para os próximos dias que deverá culminar em um grande ato no dia 1º de maio. Confira agenda aqui

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247