De olho em capital eleitoral, Alckmin quer Anastasia para o governo de Minas

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) sofrerá, nesta semana, uma nova rodada de pressão de colegas de partido se candidate ao governo de Minas Gerais; tucanos que apoiam do governador paulista, Geraldo Alckmin, à presidência da República entendem que a postulação de Anastasia seria fundamental para o chefe do executivo paulista ter mais chances na corrida presidencial

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) sofrerá, nesta semana, uma nova rodada de pressão de colegas de partido se candidate ao governo de Minas Gerais; tucanos que apoiam do governador paulista, Geraldo Alckmin, à presidência da República entendem que a postulação de Anastasia seria fundamental para o chefe do executivo paulista ter mais chances na corrida presidencial
O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) sofrerá, nesta semana, uma nova rodada de pressão de colegas de partido se candidate ao governo de Minas Gerais; tucanos que apoiam do governador paulista, Geraldo Alckmin, à presidência da República entendem que a postulação de Anastasia seria fundamental para o chefe do executivo paulista ter mais chances na corrida presidencial (Foto: Leonardo Lucena)

Minas 247 - O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) sofrerá, nesta semana, uma nova rodada de pressão de colegas de partido se candidate ao governo de Minas Gerais. A informação foi publicada nesta terça-feira (20) pela coluna Expresso.

Tucanos que apoiam do governador paulista, Geraldo Alckmin, à presidência da República entendem que a postulação de Anastasia seria fundamental para o chefe do executivo paulista ter mais chances na corrida presidencial, porque Minas Gerais é o segundo colégio eleitoral do País.

Apesar de presidir nacionalmente o PSDB, Alckmin anda com dificuldades de decolar nas pesquisas e patina nos 10% dos votos.

Ao vivo na TV 247 Youtube 247