DEM aposta no PTB para manter ACM Neto

Com baixa representatividade no Congresso, fusão com o partido pode atingir base de 47 deputados e oito senadores, a quarta maior bancada nas casas legislativas; além disso, garante maior tempo de TV ao prefeito de Salvador, ACM Neto, que pretende concorrer à reeleição em 2016 e cogitava deixar o DEM

Com baixa representatividade no Congresso, fusão com o partido pode atingir base de 47 deputados e oito senadores, a quarta maior bancada nas casas legislativas; além disso, garante maior tempo de TV ao prefeito de Salvador, ACM Neto, que pretende concorrer à reeleição em 2016 e cogitava deixar o DEM
Com baixa representatividade no Congresso, fusão com o partido pode atingir base de 47 deputados e oito senadores, a quarta maior bancada nas casas legislativas; além disso, garante maior tempo de TV ao prefeito de Salvador, ACM Neto, que pretende concorrer à reeleição em 2016 e cogitava deixar o DEM (Foto: Roberta Namour)

247 – Após conversas com o PSDB e Solidariedade, o DEM aposta em uma fusão com o PTB para aumentar sua representatividade e, assim, garantir a permanência de ACM Neto no partido.

A união com o PTB pode atingir base de 47 deputados e oito senadores, a quarta maior bancada nas casas legislativas.

Além disso, garante maior tempo de TV ao prefeito de Salvador, que pretende concorrer à reeleição em 2016 e cogitava deixar o DEM.

A estratégia não é unanime na sigla: “Se depender de mim essa tese não avança. O DEM não precisa se fundir com ninguém”, alega o senador Ronaldo Caiado (GO).

Leia aqui na reportagem de Fernando Taquari sobre o assunto.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247