Demitido, prefeito regional diz que Doria trabalha ‘somando milhas voando pelo mundo’

Demitido pelo prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) após reclamar da falta de verbas para combater enchentes, o prefeito regional da Casa Verde, Paulo Cahim fez post em seu Facebook disparando contra Doria; Cahim diz ter se dedicado integralmente ao cargo, ao contrário do prefeito, que “trabalhou muito, mas somando muitas milhas voando pelo mundo”

Demitido pelo prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) após reclamar da falta de verbas para combater enchentes, o prefeito regional da Casa Verde, Paulo Cahim fez post em seu Facebook disparando contra Doria; Cahim diz ter se dedicado integralmente ao cargo, ao contrário do prefeito, que “trabalhou muito, mas somando muitas milhas voando pelo mundo”
Demitido pelo prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB) após reclamar da falta de verbas para combater enchentes, o prefeito regional da Casa Verde, Paulo Cahim fez post em seu Facebook disparando contra Doria; Cahim diz ter se dedicado integralmente ao cargo, ao contrário do prefeito, que “trabalhou muito, mas somando muitas milhas voando pelo mundo” (Foto: Charles Nisz)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

SP 247 - Demitido após reclamar da falta de verba para prevenção de enchentes, o prefeito regional da Casa Verde/Cachoeirinha, Paulo Cahim, escreveu um post no Facebook com reclamações sobre o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB)). Cahim diz ter se dedicado integralmente ao cargo, ao contrário do prefeito, que “trabalhou muito, mas somando muitas milhas voando pelo mundo”.

Confira a postagem do prefeito regional:
Caros, a divergência no pleitear mais verbas para combate às enchentes na região da VNCachoeirinha pode ser interpretativa. Mas, discordo qdo o Prefeito Doria diz que fui demitido pois precisava trabalhar mais. Trabalhei sim de domingo à domingo. A minha única viagem marcada que faria com meu grupo para Poços de Caldas eu cancelei para fazer ações do bairro lindo. Deixei, de acompanhar minha família e todas as minhas coisas para traz. O prefeito Doria trabalhou muito, mas somando muitas milhas voando pelo mundo. Na Casa Verde eu rodei todas as vilas, ruas, praças, becos e vielas, especialmente no fundão da periferia. Não! O sermão não cabe à mim! Fiz o que combinamos: trabalhar com afinco, dedicação e paixão. Fui leal defendendo o governo que representava, mas tenho senso crítico da realidade que vivemos. Eu sei o que é ter a casa invadida pela lama e pelo esgoto na borda do córrego do Bispo, Cachoeira dos Antunes, no Jd Peri e na rua Matheus Mascarenhas no baixo limão. Tinha prometido à mim, não falar ou responder nada. Minha consciência e minha ação ao longo destes 11 meses falariam por si. Mas, insinuar que fui demitido por trabalhar pouco é muito injusto e desleal. Fico aqui. Fico com a certeza do dever cumprido. Obrigado à todos pelas mensagens e palavras de estímulo. Até breve.


 
 
 
 
 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247