Deputado do DEM defende teto: é a PEC do emprego

"A central de boataria da esquerda tem se empenhado em confundir o trabalhador. Mas é importante deixar claro que a PEC 241 é a PEC do Emprego", diz o presidente do DEM na Bahia, deputado federal José Carlos Aleluia, "confiante na aprovação" da Proposta de Emenda Constitucional que estabelece um teto para os gastos governamentais, a PEC 241; a medida está em votação na Câmara nesta segunda-feira; "Baixar os gastos significa controlar a dívida. Controlar a dívida significa reduzir os juros. Reduzir os juros significa a atração de novos investimentos para o país. Novos investimentos significa o aumento do emprego", diz Aleluia

"A central de boataria da esquerda tem se empenhado em confundir o trabalhador. Mas é importante deixar claro que a PEC 241 é a PEC do Emprego", diz o presidente do DEM na Bahia, deputado federal José Carlos Aleluia, "confiante na aprovação" da Proposta de Emenda Constitucional que estabelece um teto para os gastos governamentais, a PEC 241; a medida está em votação na Câmara nesta segunda-feira; "Baixar os gastos significa controlar a dívida. Controlar a dívida significa reduzir os juros. Reduzir os juros significa a atração de novos investimentos para o país. Novos investimentos significa o aumento do emprego", diz Aleluia
"A central de boataria da esquerda tem se empenhado em confundir o trabalhador. Mas é importante deixar claro que a PEC 241 é a PEC do Emprego", diz o presidente do DEM na Bahia, deputado federal José Carlos Aleluia, "confiante na aprovação" da Proposta de Emenda Constitucional que estabelece um teto para os gastos governamentais, a PEC 241; a medida está em votação na Câmara nesta segunda-feira; "Baixar os gastos significa controlar a dívida. Controlar a dívida significa reduzir os juros. Reduzir os juros significa a atração de novos investimentos para o país. Novos investimentos significa o aumento do emprego", diz Aleluia (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - "A central de boataria da esquerda tem se empenhado em confundir o trabalhador. Mas é importante deixar claro que a PEC 241 é a PEC do Emprego", diz o presidente do DEM na Bahia, deputado federal José Carlos Aleluia, "confiante na aprovação" da Proposta de Emenda Constitucional que estabelece um teto para os gastos governamentais, a PEC 241. A medida está em votação na Câmara nesta segunda-feira (10).

"Baixar os gastos significa controlar a dívida. Controlar a dívida significa reduzir os juros. Reduzir os juros significa a atração de novos investimentos para o país. Novos investimentos significa o aumento do emprego", diz Aleluia.

Para o deputado baiano, "quem é contra a PEC do teto nos gastos públicos deveria fazer uma visita a Salvador, onde o prefeito ACM Neto ajustou as contas públicas e deu outra vida à cidade, sendo reeleito de forma consagradora".

De acordo com o deputado do DEM, "aqueles que dizem defender os mais pobres e se colocam contra a PEC 241, a PEC do emprego, precisam entender uma coisa: não são os mais ricos que estão se prejudicando com a crise. Rico está comprando título do governo com juros a cada dia maiores. O desemprego entre os mais ricos é de 1,9%. E entre os mais pobres está em 21%".

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247