Deputado explica uso de e-mail da Câmara para indicar personal

O deputado Edson Pimenta (PSD) enviou nota ao 247 para explicar o envio de cartão de visita de seu personal trainer aos demais 512 parlamentares a partir de seu e-mail institucional; recomendação do profissional seria apenas para "quatro ou cinco deputados" que "pediram" contato do rapaz e "por acidente" sua nova estagiária acabou enviando a mensagem para outros gabinetes; veja íntegra da nota

Deputado explica uso de e-mail da Câmara para indicar personal
Deputado explica uso de e-mail da Câmara para indicar personal

Bahia 247

O deputado federal Edson Pimenta (PSD) enviou nota ao Bahia 247 para explicar informação do blogueiro Lauro Jardim, de Veja, e reproduzida neste espaço, de que ele enviou cartão de visita de seu personal trainer a todos os demais 512 parlamentares a partir de seu e-mail institucional.

Pimenta explica que a recomendação do profissional seria apenas para "quatro ou cinco deputados" que "pediram" o contato do rapaz e que "por acidente" sua nova estagiária acabou enviando a mensagem para outros gabinetes.

Abaixo a nota de esclarecimento do deputado Edson Pimenta.

Nota de esclarecimento

Fazemos referência à nota publicada no vosso site para informar que este Gabinete, por intermédio de qualquer uma das pessoas que aqui trabalham, jamais teve a menor intenção de "dar um empurrãozinho à carreira de um amigo" e, muito menos agir sem pudor, conforme consta da referida nota, ferindo os princípios da ética e da moralidade.

Nosso único propósito foi repassar a alguns poucos colegas (apenas quatro ou cinco pessoas), mais próximos, e por solicitação deles, ou seja, eles próprios pediram, os dados de um profissional que pudesse atendê-los em atividades de preparação física. Mas, lamentavelmente, por equívoco da nossa estagiária que está conosco somente há duas semanas, nos parece que outros gabinetes também receberam o e-mail, o que, reafirmamos, não era a nossa intenção.

Jamais faríamos algo assim, intencionalmente, pois sempre primamos pela ética e pela correção de procedimentos no exercício das nossas atividades, zelando sempre pela retidão das nossas condutas em relação a todos os meios que utilizamos no trabalho diário, inclusive quanto aos meios de comunicação. Portanto, de forma alguma, jamais iríamos consentir com qualquer forma de uso indevido e sem propósito legítimo. Nesse contexto, algo como o que ocorreu só pode ter acontecido por absoluta infelicidade, acidentalmente, ou seja, um equívoco absolutamente involuntário e certamente resultado de manuseio equivocado das teclas do microcomputador no momento de selecionar os contatos na caixa de correio eletrônico.

Com estes esclarecimentos, esperamos estar elucidando esse grande equívoco e nos colocamos à sua disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais.

Agradecemos a vossa gentil atenção e esperamos merecer a vossa consideração no sentido de nos dar a oportunidade de nos esclarecermos, divulgando esta nota no site de vocês, para informação das pessoas que o acompanham.

Cordialmente,
Edson Pimenta

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247