Deputado reforça luta contra PEC 241: “O povo precisa tomar as ruas”

Para o deputado federal baiano Valmir Assunção (PT), "toda e qualquer manifestação pacífica deve ser intensificada neste período sombrio que vive o Brasil". O petista se refere aos atos feitos por estudantes, militantes e representantes de movimentos sociais que estão cobrando diálogo para aprovação de projetos de interesse da população pelo "governo interventor de Michel Temer"; "Estamos acompanhando todo o processo e os deputados governistas estão imbuídos em golpear a democracia quantas vezes acharem conveniente. Os protestos são legítimos e é importante manter-se assim, com o povo ocupando as ruas", diz Valmir

Para o deputado federal baiano Valmir Assunção (PT), "toda e qualquer manifestação pacífica deve ser intensificada neste período sombrio que vive o Brasil". O petista se refere aos atos feitos por estudantes, militantes e representantes de movimentos sociais que estão cobrando diálogo para aprovação de projetos de interesse da população pelo "governo interventor de Michel Temer"; "Estamos acompanhando todo o processo e os deputados governistas estão imbuídos em golpear a democracia quantas vezes acharem conveniente. Os protestos são legítimos e é importante manter-se assim, com o povo ocupando as ruas", diz Valmir
Para o deputado federal baiano Valmir Assunção (PT), "toda e qualquer manifestação pacífica deve ser intensificada neste período sombrio que vive o Brasil". O petista se refere aos atos feitos por estudantes, militantes e representantes de movimentos sociais que estão cobrando diálogo para aprovação de projetos de interesse da população pelo "governo interventor de Michel Temer"; "Estamos acompanhando todo o processo e os deputados governistas estão imbuídos em golpear a democracia quantas vezes acharem conveniente. Os protestos são legítimos e é importante manter-se assim, com o povo ocupando as ruas", diz Valmir (Foto: Romulo Faro)

Bahia 247 - Para o deputado federal baiano Valmir Assunção (PT), "toda e qualquer manifestação pacífica deve ser intensificada neste período sombrio que vive o Brasil". O petista se refere aos atos feitos por estudantes, militantes e representantes de movimentos sociais que estão cobrando diálogo para aprovação de projetos de interesse da população pelo "governo interventor de Michel Temer".

O deputado reforça a "necessidade" de reação à PEC 241, que breca investimentos em saúde, educação e programas sociais para os próximos 20 anos, "beneficiando uma parcela de empresários, banqueiros e a elite do país".

Valmir Assunção diz que os eventos que têm acontecido em diferentes capitais são para mostrar que o "país foi enganado e muitas pessoas estão descontentes com o rumo que o governo federal tomou".

"Estamos acompanhando todo o processo e os deputados governistas estão imbuídos em golpear a democracia quantas vezes acharem conveniente. Os protestos são legítimos e é importante manter-se assim, com o povo ocupando as ruas. É preciso mostrar que estão enganando o povo com conversas para que o povo pague a conta dessa crise. Quem deveria pagar a conta são os detentores das grandes fortunas, eles sim deveriam arcar com os prejuízos sociais e financeiros, e não o povo pobre deste país", diz o deputado baiano.

Conheça a TV 247

Mais de Geral

Ao vivo na TV 247 Youtube 247