Deputados direcionam parte da verba da TO-222 para outras obras

Deputados estaduais aprovaram dois pedidos de empréstimo do governo do Tocantins que somam R$ 583 milhões junto à Caixa Econômica Federal. Um projeto no valor de R$ 453 milhões para obras em todo o Estado e outro, de R$ 130 milhões, para a construção da ponte sobre o rio Tocantins, em Porto Nacional/; um dos pontos mais polêmicos em relação ao empréstimo de R$ 453 milhões foi a retirada de parte do dinheiro da ordem de R$ 86 milhões para a duplicação de um trecho da TO-222, entre a região central de Araguaína e o setor Novo Horizonte, que mede 13 quilômetros

Deputados estaduais aprovaram dois pedidos de empréstimo do governo do Tocantins que somam R$ 583 milhões junto à Caixa Econômica Federal. Um projeto no valor de R$ 453 milhões para obras em todo o Estado e outro, de R$ 130 milhões, para a construção da ponte sobre o rio Tocantins, em Porto Nacional/; um dos pontos mais polêmicos em relação ao empréstimo de R$ 453 milhões foi a retirada de parte do dinheiro da ordem de R$ 86 milhões para a duplicação de um trecho da TO-222, entre a região central de Araguaína e o setor Novo Horizonte, que mede 13 quilômetros
Deputados estaduais aprovaram dois pedidos de empréstimo do governo do Tocantins que somam R$ 583 milhões junto à Caixa Econômica Federal. Um projeto no valor de R$ 453 milhões para obras em todo o Estado e outro, de R$ 130 milhões, para a construção da ponte sobre o rio Tocantins, em Porto Nacional/; um dos pontos mais polêmicos em relação ao empréstimo de R$ 453 milhões foi a retirada de parte do dinheiro da ordem de R$ 86 milhões para a duplicação de um trecho da TO-222, entre a região central de Araguaína e o setor Novo Horizonte, que mede 13 quilômetros (Foto: Leonardo Lucena)

Tocantins 247 - Deputados estaduais aprovaram dois pedidos de empréstimo do governo do Tocantins que somam R$ 583 milhões junto à Caixa Econômica Federal. Um projeto no valor de R$ 453 milhões para obras em todo o Estado e outro, de R$ 130 milhões, para a construção da ponte sobre o rio Tocantins, em Porto Nacional. As matérias serão votadas no plenário da Casa.

Um dos pontos mais polêmicos em relação ao empréstimo de R$ 453 milhões foi a retirada de parte do dinheiro da ordem de R$ 86 milhões para a duplicação de um trecho da TO-222, entre a região central de Araguaína e o setor Novo Horizonte, que mede 13 quilômetros.

O valor, R$ 41 milhões, é consequência de estudo com base no custo médio da obra, que é de R$ 1 milhão por cada quilômetro. Segundo a proposta aprovada, a obra ficou com R$ 42 milhões, e o restante foi destinado a outras obras do estado, como a construção da Avenida NS-15, em Palmas. 

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247