Dilma cresce e vai a 29% para Senado, mostra Ibope

Segundo a pesquisa Ibope divulgada nesta noite, a presidente deposta Dilma Rousseff subiu de 26% para 29%; Jornalista Carlos Viana (PHS) oscilou de 15% para 17%; Rodrigo Pacheco (DEM) foi de 14% para 15%; Dinis Pinheiro (SD) tinha 15% e agora 14%

Dilma cresce e vai a 29% para Senado, mostra Ibope
Dilma cresce e vai a 29% para Senado, mostra Ibope
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Minas 247 - Pesquisa do Ibope divulgada nesta terça-feira, 2, mostra que a presidente Dilma Rousseff segue líder para uma das duas vagas para o Senado. 

Confira o números:

Dilma Rousseff (PT): 29%

Jornalista Carlos Viana (PHS): 17%
Rodrigo Pacheco (DEM): 15%
Dinis Pinheiro (SD): 14%
Fábio Cherem (PDT): 10%
Rodrigo Paiva (Novo): 7%
Coronel Lacerda (PPL): 5%
Miguel Correa (PT): 5%
Bispo Damasceno (PPL): 4%
Professor Túlio Lopes (PCB): 4%
Ana Paula Alves (PCO): 3%
Vanessa Portugal (PSTU): 2%
Duda Salabert (PSOL): 2%
Kaká Menezes (Rede): 2%
Edson André dos Reis (Avante): 1%
Brancos/nulos para 1ª vaga: 19%
Brancos/nulos para 2ª vaga: 26%
Não sabe: 34%

No levantamento anterior, feito nos dias 26 e 27 de setembro, os números foram: Dilma Rousseff (PT): 26%; Jornalista Carlos Viana (PHS): 15%; Dinis Pinheiro (SD): 15%; Rodrigo Pacheco (DEM), 14%;Fábio Cherem (PDT): 9%; Rodrigo Paiva (Novo): 7%; Bispo Damasceno (PPL): 6%; Coronel Lacerda (PPL): 6%; Miguel Correa: 5%; Duda Salabert (PSOL): 3%; Professor Túlio Lopes (PCB): 3%; Vanessa Portugal (PSTU): 3%; Ana Paula Alves (PCO): 2%; Edson André dos Reis (Avante): 2%; Kaká Menezes (Rede): 2%; Brancos/nulos para 1ª vaga: 18%; Brancos/nulos para 2ª vaga: 26%.

O Ibope ouviu 2.002 eleitores entre os dias 29 de setembro e 1º de outubro. A margem de erro é de 2 pontos percentuais para mais ou para menos. 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247