Dilma entrega 1.788 casas em Araguaína nesta sexta

As unidades habitacionais têm uma sala, uma cozinha, um banheiro, dois quartos e circulação. No interior das casas, há aquecedor solar, os cômodos são forrados com PVC, são pintados e possuem cerâmica; as casas têm 40,76m² de área construída em um lote de 180m²; o residencial Costa Esmeraldo já nasce com uma creche, que deve atender 678 crianças, uma escola com capacidade para atender 950 alunos e o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) e a Unidade Básica de Saúde (UBS), que devem atender, cada uma, 6.118 usuários

As unidades habitacionais têm uma sala, uma cozinha, um banheiro, dois quartos e circulação. No interior das casas, há aquecedor solar, os cômodos são forrados com PVC, são pintados e possuem cerâmica; as casas têm 40,76m² de área construída em um lote de 180m²; o residencial Costa Esmeraldo já nasce com uma creche, que deve atender 678 crianças, uma escola com capacidade para atender 950 alunos e o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) e a Unidade Básica de Saúde (UBS), que devem atender, cada uma, 6.118 usuários
As unidades habitacionais têm uma sala, uma cozinha, um banheiro, dois quartos e circulação. No interior das casas, há aquecedor solar, os cômodos são forrados com PVC, são pintados e possuem cerâmica; as casas têm 40,76m² de área construída em um lote de 180m²; o residencial Costa Esmeraldo já nasce com uma creche, que deve atender 678 crianças, uma escola com capacidade para atender 950 alunos e o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) e a Unidade Básica de Saúde (UBS), que devem atender, cada uma, 6.118 usuários (Foto: Aquiles Lins)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

Tocantins 247 - A presidente Dilma Rousseff entrega nesta sexta-feira, 14, em Araguaína, 1.788 unidades habitacionais do Residencial Costa Esmeralda, pelo programa Minha Casa, Minha Vida. A solenidade está marcada para começar às 15h. As casas foram construídas em parceria com a Prefeitura de Araguaína. Os projetos receberam investimento de R$ 89,4 milhões do governo federal e devem beneficiar 7 mil famílias. 

O governador Siqueira Campos (PSDB), o prefeito da cidade, Ronaldo Dimas (PR), além dos senadores Kátia Abreu (PMDB), Ataídes Oliveira (Pros), deputados federais e estaduais devem participar da solenidade. No meio político há a expectativa de se ver no mesmo palanque, junto da presidente Dilma, os ex-aliados Siqueira Campos e Kátia Abreu.

Durante entrevista coletiva nessa quinta-feira, 13, o secretário municipal de Habitação, Elenil da Penha, e a superintendente Regional da Caixa Econômica Federal, Maria Luzia Aguiar, repassaram informações sobre o empreendimento Costa Esmeralda. As unidades habitacionais têm uma sala, uma cozinha, um banheiro, dois quartos e circulação. No interior das casas, há aquecedor solar, os cômodos são forrados com PVC, são pintados e possuem cerâmica. O tamanho da casa é de 40,76m² e o lote é de 180m².

Segundo o secretário Elenil da Penha, a creche do novo setor deve atender 678 crianças, a escola atenderá 950 alunos e o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) e a Unidade Básica de Saúde (UBS) devem atender 6.118 usuários, cada. “Os equipamentos públicos do empreendimento Costa Esmeralda terá capacidade para atender todas as famílias que vão morar no novo bairro”, frisou o secretário.

Segundo informações da Prefeitura de Araguaína, a superintendente regional da Caixa, Maria Luzia, destacou sobre a melhoria na qualidade de vida das famílias e o resgate da dignidade das pessoas. “As casas não são apenas unidade habitacionais por si só, representam também mais dignidade, conforto e oportunidade para as famílias que ali irão morar. O bairro tem infraestrutura completa e o governo federal irá proporcionar a inserção de todas as famílias”, disse. “Tirar famílias das áreas de risco ou àquelas que estão em condições insalubres e trazer para o Costa Esmeralda, um loteamento com total infraestrutura é na verdade a concretização de um sonho, um compromisso do governo federal”, completou.

A superintendente da Caixa também destacou que algumas casas foram adaptadas para pessoas portadoras de necessidades especiais. Entre os beneficiados, segundo ela, há 55 idosos, pessoas com algum tipo de deficiência e indivíduos que possuem doenças crônicas comprovadas com laudo, que passarão a residir em casas totalmente equipadas, com estrutura como rampa e portas largas. “É o Governo Federal cumprindo seu papel com Araguaína” disse a superintendente.


O conhecimento liberta. Saiba mais. Siga-nos no Telegram.

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247

WhatsApp Facebook Twitter Email