Dilma toca hino do Brasil na caxirola de Brown

“As crianças brasileiras vão ficar muito felizes. É a nossa capacidade de invenção”, disse a presidente depois de usar o instrumento musical criado pelo artista baiano para a Copa do Mundo 2014 em cerimônia no Palácio do Planalto; Dilma fez desabafo: "O Brasil ainda tem muitos herdeiros da escravidão", disse ela sobre a sua busca por qualidade no programa habitacional Minha Casa Minha Vida; "Eu fui eleita para dar o melhor ao povo"; em seguida, a presidente falou sobre economia: "Esse é um país estável"

Dilma toca hino do Brasil na caxirola de Brown
Dilma toca hino do Brasil na caxirola de Brown (Foto: Roberto Stuckert Filho)
Siga o Brasil 247 no Google News Assine a Newsletter 247

247 - A presidente Dilma Rousseff passou a manhã de hoje, no Palácio do Plnalto, em Brasília, de bom humor. Mas, mesmo assim, logo após ter sido apresentada pelo músico Carlinhos Brown à caxirola, ela desabafou: "Tem muita gente que está torcendo para o Brasil dar errado", disse Dilma, aparentemente, na direção dos especuladores da economia e das críticas de nível baixo da mídia tradicional. "Há muitos herdeiros da escravidão, que querem que o governo entregue coisas de baixa qualidade para o público, mas eu não fui eleita para dar qualquer coisa ao povo, em sim entregar qualidade", afirmou. Para Dilma, o Brasil é um "país estável", com todas as condições de superar as adversidades da crise internacional. 

Antes do desabafo, foi lançado o instrumento musical que vai ditar o ritmo da Copa do Mundo de 2014: a caxirola. Invenção do artista Carlinhos Brown, o instrumento foi apresentado oficialmente na manhã desta terça-feira 23, no Palácio do Planalto, em cerimônia com a presidente Dilma Rousseff e a ministra da Cultura, Marta Suplicy. Juntas, elas tocaram, ao lado de Carlinhos, o Hino Nacional na caxirola.

“É mais bonito que a Vuvuzela”, divertiu-se a presidente Dilma, comparando a invenção ao instrumento usado pelas torcidas na Copa da África do Sul. “Resume a nossa capacidade de inventar. Parabéns, Carlinhos, as crianças brasileiras vão ficar muito felizes com a Caxirola”

 

 

 

 

O conhecimento liberta. Saiba mais

A você que chegou até aqui, agradecemos muito por valorizar nosso conteúdo. Ao contrário da mídia corporativa, o Brasil 247 e a TV 247 se financiam por meio da sua própria comunidade de leitores e telespectadores. Você pode apoiar a TV 247 e o site Brasil 247 de diversas formas. Veja como em brasil247.com/apoio

Comentários

Os comentários aqui postados expressam a opinião dos seus autores, responsáveis por seu teor, e não do 247