Direita começa a testar Doria como presidenciável

Diante da possibilidade de Aécio Neves, o Mineirinho, Geraldo Alckmin, o Santo, e José Serra, o Careca, serem abatidos pela Odebrecht, a direita começa a testar o nome do prefeito de São Paulo, João Doria, pelo País; colunista do Globo Lauro Jardim divulga neste domingo 26 um levantamento do instituto Paraná Pesquisas e diz que "Doria já plantou o seu nome na cabeça da maioria da população brasileira"; segundo a pesquisa, 71,3% dos brasileiros disseram que conheciam ou ouviram falar no nome do prefeito tucano

Diante da possibilidade de Aécio Neves, o Mineirinho, Geraldo Alckmin, o Santo, e José Serra, o Careca, serem abatidos pela Odebrecht, a direita começa a testar o nome do prefeito de São Paulo, João Doria, pelo País; colunista do Globo Lauro Jardim divulga neste domingo 26 um levantamento do instituto Paraná Pesquisas e diz que "Doria já plantou o seu nome na cabeça da maioria da população brasileira"; segundo a pesquisa, 71,3% dos brasileiros disseram que conheciam ou ouviram falar no nome do prefeito tucano
Diante da possibilidade de Aécio Neves, o Mineirinho, Geraldo Alckmin, o Santo, e José Serra, o Careca, serem abatidos pela Odebrecht, a direita começa a testar o nome do prefeito de São Paulo, João Doria, pelo País; colunista do Globo Lauro Jardim divulga neste domingo 26 um levantamento do instituto Paraná Pesquisas e diz que "Doria já plantou o seu nome na cabeça da maioria da população brasileira"; segundo a pesquisa, 71,3% dos brasileiros disseram que conheciam ou ouviram falar no nome do prefeito tucano (Foto: Gisele Federicce)

247 - Com o risco real de os senadores Aécio Neves e José Serra e o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, todos do PSDB, serem abatidos por delações da Odebrecht que estão prestes a se tornar públicas, a direita começa a testar pelo País o nome do prefeito da capital paulista, João Doria, como presidenciável para 2018.

Parte das mais de 70 delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht no âmbito da Lava Jato já foi divulgada na imprensa e cita os nomes dos três tucanos, acompanhados dos apelidos Mineirinho, Careca e Santo, respectivamente.

Neste domingo 26, o colunista do Globo Lauro Jardim divulgou um levantamento do instituto Paraná Pesquisas e constatou que "Doria já plantou o seu nome na cabeça da maioria da população brasileira". Segundo a pesquisa, feita em 26 estados entre 12 e 15 de fevereiro, 71,3% dos brasileiros disseram que conheciam ou já ouviram falar no nome do tucano.

"No Nordeste, esse percentual é de 70%. De acordo com a mesma pesquisa, entre aqueles que admitiram ter conhecimento de alguma medida tomada por Doria neste mês e meio, 81,4% 'concordam' ou 'concordam em parte' com elas", informa ainda o jornalista.

Na semana passada, segundo Lauro Jardim, Doria teve que ir ao encontro de Alckmin e garantir, de público, que não pretende se candidatar a presidente em 2018.

Segundo a coluna Radar Online, a pesquisa perguntou também aos entrevistados "qual tucano teria mais chances de ganhar seu voto para presidente". "Aécio Neves ficou em primeiro com 17,7%. Mas a surpresa foi João Doria. Ele ficou com 16,7%, a frente de seu criador, Geraldo Alckmin, que obteve 12,9%", diz a nota, intitulada "criador e criatura".

Conheça a TV 247

Ao vivo na TV 247 Youtube 247